Aerógrafos

Vejo tantos modelistas com vários aerógrafos, outros que usam apenas um...

Seriamos também colecionadores de aerógrafos?

Quantos vc tem? E quantos vc realmente usa?

Eu tenho um Badger Renegade Velocity, um Badger 155 Anthem e um HS Colani.

Como monto 1/72, o que mais uso é Velocity, em kits pequenos da pra fazer toda a pintura com ele. Em kits 1/72 maiores prefiro usar o Colani, mas ainda não tenho muita intimidade com o bixo. e o Anthem, só uso pros vernizes/primers (qndo uso esses últimos).
Original Post
Vamos ver, eu tenho 8 Humm.. O que..??

4 eu uso permanentemente.

2 para pintura (um geral e um para retoques), mas muitas vezes trabalho com estes dois ao mesmo tempo quando estou fazendo alguma camuflagem mais complicada, cada um com uma cor.

1 só para verniz

1 só para primer e tintas metálicas.


1 reserva

3 eu tinha comprado para doar a APRJ, mas depois que recebemos a doação da Badger, fiquei com eles fechados na caixa. Uma hora eu vendo. Maneiro !!!!
Um Badger 100G q uso para pinturas gerais e uma ou outra aplicação de filtros, sombreamentos, transições de cor.
Um Gatti AG3 q acho uma pequena jóia q uso qdo preciso de mais precisão
Um Badger 200 q é um "tratorzinho"
Um Furyo/Gagyma SW440 q uso para aplicar primers e vernizes(ou fazer alguma experiência mais "perigosa" com tintas.Se estragar o prejuízo é bem menor...)

Mas não há dúvida q os q mais uso são os dois Badgers
Eu tenho 5.

Lince L1500 - Só usei uma vez em 2010 ou 2011 e está na caixa, não usarei mais;

Um Badger 200g para primer e vernizes
Um Badger 100g para uso geral
Um Gatti AG2 para detalhes (não uso faz 18 meses)
Um Gatti AG3 para uso geral (só usei umas 3 vezes).

Na boa? Eu poderia viver só com os Badger e o AG2, aliás, poderia viver somente com o 100g e o AG2, o resto é só vaidade pra mim. Claro, falando do meu caso, cadum, cadum.
Tenho somente um, Badger 150, comprado a mais de 20 anos, nunca troquei nada, só limpeza e cuidados básicos.

Imagino ser um plastimodelista mediano, mas esforçado, só um aerógrafo esta mais que perfeito.E tem uma grande vantagem, depois de todo este tempo, conheço exatamente o humor e as sutilezas do dito cujo, em breve faremos bodas de prata com muita felicidade.
quote:
Originalmente publicado por jgap:
meu pior erro foi ter comprado esta bosta


Pois eu tenho um igualzinho há 10 anos e eu adoro. Já pintei mais de 50 kits nele. Esse aerógrafo só tem uma manha que só aprendi depois de destruir vários bicos: depois da utilização, guarde o bico em um pote com solvente e deixe lá até a próxima utilização.
quote:
Originalmente publicado por Lili carabina:
Vcs sao doentes....
Eu tenho 1 Iwata HP-CS, mas vou comprar outra, pq nao existe nada melhor do que iwata, bem tem o da tamiya que é pau a pau, o resto... Joga tinta.


Oi Lili!

A vantagem que eu vejo nos Badger é sua robustez. Dá pra passar com um tanque em cima e continua funcionando. Sei que a precisão dos Iwata são excelentes, até já quis um, mas sou muito manco e prefiro os pés de boi Maneiro !!!! Maneiro !!!! Maneiro !!!!
Os Iwata também são muito resistentes, tenho o meu mais antigo ha mais de 10 anos e nunca troquei nem mesmo o anel de borracha (modelo antigo) que veda a agulha.

Eu gosto bastante dos Badger, tive vários modelos. Sempre será uma boa compra principalmente porque tem um ótimo custo/benefício.
Aztek A430 de ação dupla - foi o primeiro, não uso mais;

Badger Omni 3000 - é o que mais uso porque o bico grosso 0,50mm entope menos e mesmo assim é capaz de fazer traços finos;

Badger Velocity Jet - tenho usado para efeitos e retoques, mas pretendo fazer camuflagens a mão livre;

H&S Hansa 281 - ainda não usei, estou curioso pra saber como é usar o gatilho que não precisa apertar, só puxar.

H&S Hansa 181 - veio junto no pacote com o 281 e vou vender

Chinês ação dupla/gravidade - ainda não usei, comprei só pra verniz.

Tenho usado um Badger 150 emprestado, é bom e leve, mas não está amaciado.
Fora isso, pretendo comprar só mais um chinês pra tintas metálicas e talvez compre um SOTAR 20/20 ou Evolution, só pra ter um aerógrafo de bico ultrafino mesmo.

Como eu não tenho uma tinta preferida, uso de tudo, me parece importante ter um aerógrafo para cada tipo de tinta pra não dar muito trabalho na limpeza e gastar o precioso tempo de montagem.
quote:
Sou anormal pelo jeito!

Então eu sou paranormal! Maneiro !!!!
Só uso os Chinas adquiridos na E2046.com.
Embora todos os odeiem (tenho minha opinião pessoal sobre este ódio, mas não vem ao caso) eu não tenho o que reclamar. Possuo 4. Um deles acho que fez 3 anos, ou mais. Todos funcionando muito bem obrigado!
Como disse o sábio ArmouredSprue "O segredo de aerógrafo é limpar após cada uso."

Sds
quote:
Embora todos os odeiem (tenho minha opinião pessoal sobre este ódio, mas não vem ao caso) eu não tenho o que reclamar. Possuo 4. Um deles acho que fez 3 anos, ou mais. Todos funcionando muito bem obrigado!


Não é uma questão de odiar, mas depois de andar num Mercedes fica difícil achar que um fusca é um bom carro. Maneiro !!!!

Só por curiosidade, quantos modelos você pintou com este aerógrafo nestes 3 anos?
Sim eu sou doente e coleciono aerógrafos. Ou colecionava, na época que professor podia comprar aerógrafos... Minha lista:

Em cima da bancada eu tenho 4, de uso quase diário:
Badger 100: pau pra toda obra. Barato e resistente (anedota sobre o Badger 100 no site deles). O meu está fazendo 20 anos.
Grex XN: idem acima, mas com bico de 0,2mm.
Master (xing-ling): reservatório tipo cavidade, com capacidade para duas gotas de tinta, para retoques.
Velocity: aos poucos estou aposentando o 100 em favor deste. Mas para trabalhos maiores ainda é melhor usar o 100 com o bico médio.

Esses são os que eu uso para trabalhos mais finos. Não tenho muita preferência, mas a experiência de trabalhar com o 20/20 é indescritível - quase como usar uma caneta:
Sotar 20/20
Tamiya HG-SF
Evolution com bico de Infinity

E...
Badger 150: para pintar bases de diorama, geladeiras, grade do portão de casa.
Sagyma 770: Gosto dele, mas ele tem que acordar num dia bom. Se vc usar ele todo dia, pode durar um mês.

Já usei Iwata e dispensa comentários. Mas com o preço das peças de reposição, estão perdendo mercado entre os modelistas, tanto que lançaram uma linha nova agora, 'menos preciso', mas tão caro quanto um Infinity.

Dois pequenos comentários:
(a) Até alguns anos atrás, eu era da turma que desmontava o aerógrafo depois de cada seção para limpeza. Hoje eu só desmonto há cada dois meses ou mais. Aerógrafos não foram feitos para serem desmontados frequentemente. E não precisa, a menos que tenha entupido. Palavra dos fabricantes.
(b) Lubrifique seu aerógrafo. Opera de forma mais macia, veda, e reduz o desgaste das peças deslizantes.

E o BadRat, claro... Ah o BadRat, como eu é bão aquele aerógrafo!

Mas a verdade é que depois que você se acostuma com um tipo de aerógrafo, faz praticamente tudo com ele.

Rato Marczak
www.ratomodeling.com
quote:
(a) Até alguns anos atrás, eu era da turma que desmontava o aerógrafo depois de cada seção para limpeza. Hoje eu só desmonto há cada dois meses ou mais. Aerógrafos não foram feitos para serem desmontados frequentemente. E não precisa, a menos que tenha entupido. Palavra dos fabricantes.



Exatamente o que eu faço, depois de montar alguns kits, dou uma geral na bancada e aproveito para dar também uma geral nos aerógrafos.
Comecei com um Badger 350 de segunda mão, alimentado por sucção, com um compressor "porquinho" da NS.

Depois usei um pouco um aerógrafo emprestado, do tipo Lince, nacional, carregamento por gravidade, mas que não tinha válvula (usava o dedo para tampar um orifício e a tinta saía...).

Depois comprei um Holbein no Paraguay, dupla ação e carregamento por gravidade, que me rendeu muitos bons serviços até hoje.

E hj tenho tb um Harder & Steenbeck Evolution 2x1, que uso somente para tintas tipo laca, e deixo as base água para o Holbein.

Estou para comprar alguns apetrechos para o H&S (tampa do copinho, por exemplo), fiquei curioso sobre o Evolution com ponta de Infinity... como é isso?

[]´s

X
Augusto, antes de tudo (pois mensagens podem ser interpretadas de várias formas) vc é um modelista que respeito muito, e pelo amor de Deus, o que segue é apenas minha opinião. Captou ???

Sim, já andei de Mercedes e de Ferrari também. Mas uma coisa é uma coisa.... Isto pra mim é um post que não leva a muitos lugares (pra não dizer a lugar nenhum), apenas postei pois gosto de defender estes aerógrafos, pois na minha opinião "paranormal" eles atendem muito bem. No meu caso, nunca precisei traçar linhas de 1mm num aerógrafo, acredito que o cara que precisa, este sim deve comprar um que custe R$500 ou mais.
Recentemente pinto navios de 1/350, logo grandes áreas de cobertura. Mas também pinto figuras (1/10 a 1/4), estou montando uma Mercedes 1/24 pro meu pai, um navio 1/700 pro meu irmão. Logo trabalho numa gama bem variável de escalas.
Como dizia minha mãe "opinião é igual a C, todo mundo tem um". Acho que seria muito mais útil cada um filmar o seu aerógrafo em ação e fazer um review do bicho, do que dizer que o aerógrafo Mercedes é muito bom e o aerógrafo Fusca é ruim. Li recentemente um artigo de um dos navios mais belos que já vi que o cara fala isto, que o aerógrafo dele ele nem diz a marca pois sabe que vai gerar cara feia em muitos modelistas, como ele mesmo disse "julgue o meu trabalho, não as minhas ferramentas".
Vc como modelista experiente deve saber muito melhor do que eu que não é a quantidade de kits que faz um modelista, mas sim a qualidade do trabalho.
Sou muito mais um trabalho do Paulors que leva um bom tempo até ficar pronto do que vários que vejo por aí que mais parecem vindo de uma linha de produção. Quantidade não significa qualidade.

Eu mesmo usava um nacional, pior aerógrafo que tive o desprazer de trabalhar, mas pelo visto aqui tem gente que gosta dele. Neste mesmo post um elogia e o outro critica o mesmo aerógrafo. Ou seja, opinião e não chegamos a lugar nenhum. Mas isto é o legal de um Forum...
Pq não fazemos um review dos aerógrafos?

O cara que só usa Future, certamente vai dizer o mesmo que vc disse sobre eu usar Brilho Fácil.
O cara que usa Model Master vai dizer o mesmo de mim por usar Acrilex.

Mas isto é um papo que rende muitas opiniões, e aqui vale a frase de minha falecida mãe acima.
Como vc é aqui do Rio, terei o maior prazer de dialogar com vc um dia sobre isto, basta me convidar que pago a cerveja! Maneiro !!!!

Um abraço

Do velho Leo
Ih, Leo acho que você não entendeu, ou eu me expressei mal. A minha pergunta nada tinha que ver com avaliar se você esta abalizado ou não para dar a sua opinião. Já vi figuras suas e sei muito bem da sua capacidade.

O caso é que estes aerógrafos chineses, além do fato de terem uma variação muito grande de desempenho de um para outro, mesmo sendo do mesmo modelo, sofrem um desgaste muito rápido com o uso. Foi nesse sentido a minha pergunta, o quão usados eles estão.

Não tem dúvida que a mão de quem usa é o mais importante. Além disso a prática continua com a mesma ferramenta também faz muita diferença.

Mas tem sim uma diferença entre equipamentos, mesmo que se possa fazer trabalhos excepcionais com equipamentos mais simples. Há muito tempo, antes da associação, nos costumávamos fazer aqui no Rio uns encontros chamados (nome dado pelo Fravin) Desafio de areógrafos. Cada um levava os seus e todos podiam testar cada um deles.

Nunca me esqueço da cara que o Fravin fez ao testar o meu Iwata. Ele que dizia que os Paasche eram os melhores aerógrafos do mundo. Pergunta que aerógrafo ele tem hoje Maneiro !!!!

O fato é que só testando um aerógrafo melhor você vai conseguir perceber a real diferença. Não que seja uma varinha mágica que vai fazer você pintar melhor, mas como um Mercedes em relação a um fusca, vai te dar muito mais conforto e precisão.

Quem sabe você não vem um dia conhecer a sede da associação, me avisa e eu levo os Iwata, ai você pode testar a vontade.

Abraço para você também.


Ps. Eu tenho dois aerógrafos comprados na 2046, um deles foi o primeiro aerógrafo na vida que eu desisti de tentar consertar, simplesmente não dá para usar.
quote:
Originalmente publicado por Rato Marczak:

Dois pequenos comentários:
(a) Até alguns anos atrás, eu era da turma que desmontava o aerógrafo depois de cada seção para limpeza. Hoje eu só desmonto há cada dois meses ou mais. Aerógrafos não foram feitos para serem desmontados frequentemente. E não precisa, a menos que tenha entupido. Palavra dos fabricantes.
(b) Lubrifique seu aerógrafo. Opera de forma mais macia, veda, e reduz o desgaste das peças deslizantes.

Rato Marczak
www.ratomodeling.com


Eu desmonto e limpo tudo. Nunca tive problema.

Abs
Eu atualmente tenho cinco aerógrafos: Um Paashe V, com canequinha lateral, meu primeiro aerógrafo comprado de segunda mão há cerca de 30 anos atrás, continua funcionando até hoje, mas sem aquela precisão do início, por conta dos tombos de bico que levou no meu início desastrado no uso de aerógrafos.
20 anos atrás veio um Badger 100 que até hoje está comigo e é como uma extensão da minha mão de tanto que me adaptei a ele. Muito surrado, até o cromado perdeu o brilho mas está como novo. Recentemente em um momento de folga financeira comprei um Sagyma SW-800 aqui na lojinha pra ser pé-de-boi e também um Tagore TG-135 direto na China, esse saiu tão barato que nem acreditei, mas ainda está na caixa sem uso.
Outro que está na reserva estratégica é um Badger Renegade Spirit, pra mim o sucessor legítimo do 100. Esse ainda não tive coragem de usar...

Acho que assim como kits, acabamos colecionando aerógrafos, que aliás até ficariam bacanas em um quadro, como uma coleção de medalhas. Ó pra você.. !!!
quote:

Eu desmonto e limpo tudo. Nunca tive problema.


Não é questão de ter problemas. Cada vez que vc desmonta, vc provoca micro-amassamentos nos filetes das roscas, assentos, encaixes, etc. Em alguns casos, isto até 'amacia' o aerógrafo, em outros, vai produzindo folgas ou, para os que tem mãos mais pesadas, aumentam micro trincas sempre presentes.
Um aerógrafo com 50 desmontadas nunca - repito NUNCA - tem as mesmas tolerâncias de um novo ou com uma dúzia de desmontadas... O seu pode estar mais limpo, mas é menos novo.

Não há razão para desmontar sempre.

É legal desmontar aerógrafo. É gostoso, é nerd, é passa-tempo, e nos dá uma sensação que está tudo limpo e organizado (até está).

Mas é ruim para o aerógrafo...


Rato Marczak
www.ratomodeling.com
quote:
fiquei curioso sobre o Evolution com ponta de Infinity... como é isso?


Simples, X...

Uma vez, no exterior, eu não tinha grana para comprar o Infinity, mas o Evolution estava em promoção. Argumentei com o vendedor que queria uma aerógrafo com bico de 0,15mm. Então a surpresa: uma boa parte das peças dos dois é intercambiável. Ele me vendeu o Evolution com a cabeça do Infinity no preço da promoção. Ainda instalei um limitador de curso tipo botão (vc não perde a marcação anterior quando tem que limpar).
Informe-se porque, dada a diferença de preço dos dois, vale a pena.

Abraço

Rato Marczak
www.ratomodeling.com
quote:
Originalmente publicado por Rato Marczak:
(a) Até alguns anos atrás, eu era da turma que desmontava o aerógrafo depois de cada seção para limpeza. Hoje eu só desmonto há cada dois meses ou mais. Aerógrafos não foram feitos para serem desmontados frequentemente. E não precisa, a menos que tenha entupido. Palavra dos fabricantes.


Eu vido dizendo isso também Captou ???
quote:
Originalmente publicado por Lucas:
quote:
Originalmente publicado por Rato Marczak:
(a) Até alguns anos atrás, eu era da turma que desmontava o aerógrafo depois de cada seção para limpeza. Hoje eu só desmonto há cada dois meses ou mais. Aerógrafos não foram feitos para serem desmontados frequentemente. E não precisa, a menos que tenha entupido. Palavra dos fabricantes.


Eu vido dizendo isso também Captou ???


O pior são aqueles que além de teimosos e não escutarem o que outros dizem utilizam ferramentas de precisão, exemplo alicate universal, esses são os famosos "Mãos de sexo" onde pegam F@#em... Depois a culpa é do fabricante...

Aqui limpo uma vez por ano e olhe lá, sabendo usar, dar manutenção correta, dura muito tempo, assim como o X falou tenho um Holbein com mais de 25 anos de bons serviços, hoje está aposentando por condicionante sentimental.. Maneiro !!!!Maneiro !!!!
quote:
Originalmente publicado por Rato Marczak:


É legal desmontar aerógrafo. É gostoso, é nerd, é passa-tempo, e nos dá uma sensação que está tudo limpo e organizado (até está).

Mas é ruim para o aerógrafo...


Rato Marczak
www.ratomodeling.com


Exatamente Maneiro !!!! Maneiro !!!!

Vou seguir teu conselho, vai ser brabo (sabes que sou neurótico heheh), mas vou fazer força. Vou me inscrever nos "Maníacos por limpeza e organização Anônimos"

Maneiro !!!! Maneiro !!!!

De qqr sorte vou confessar pra vcs que estou pensando em fazer uma caixinha estilosa pro Gatti e aposentá-lo pendurado na parede do cafofo. Aquilo ali é bonito que nem jóia.

Talvez eu compre um H&S ou Iwatta ou algo assim pra substitui-lo. Esse Sotar 20/20 tb é boa pedida.

Abs

Incluir Resposta

Curtidas (2)
LihH PandaHOmarr
×
×
×
×