Chegaram os Russos - Tu-160M2: Mais avançado que qualquer outro que o Pentágono tenha em seu arsenal

Isso me cheira a outra coisa: E se os Russos quiserem que a Síria seja sua "Esfera de Influencia" sem nenhuma interferência de qualquer outro país da OTAN? Eles podem estar levando material para lá, justamente para dissuasão de qualquer meio empregado pela UN ou OTAN. O apoio atual de uma "Coalizão"pode ser apenas para o gasto necessario com equipamentos e material humano.

Originally Posted by Luftsturm:

Amigão, acho que pegou pesado nessa:

 

"não é de se imaginar que esses supostos "atentados em Paris" tenha saído da prancheta dos aliados"

Já saiu no noticiário que a Turquia já havia avisado a França que isso poderia acontecer, e a França não deu ouvidos, e se isso não tivesse acontecido não haveria motivos para a França declarar guerra e outra não é novidade para ninguém que os yanques e seus aliados (inclua ai a França) apoiam, fornecem armas e treinam os terroristas e mesmo com tudo isso esses terroristas iriam aparecer na mídia dizendo que eles são os responsáveis pelo ataque!!!! Na boa essa história é igual ao do "11/09" "morte do bin laden" "armas de destruição em massa no Iraque", enfim tem mais um monte que poderia citar!!!!

Assim que Putin estabelecer a ordem na Síria, seu próximo passo será, ajuda aos curdos no norte do Iraque. aí ele não precisará se preocupar em escoar o petróleo do Cáspio e Cáucaso e lucrará muito com isso, pois terá acesso ao Mediterrâneo. 

 

Em outras palavras, a coalização EUA-Inglaterra em breve estará reforçando sua presença militar no norte da Mesopotâmia, e fazendo o que nunca fizeram: Tratando os curdos como merecem.

Bonito esse urso do Latuff. Só que os barbudinhos passaram a mão na bunda dele, na bunda do Putin e explodiram o avião com uma latinha de refrigerante. 

 

 

EI revela imagem de bomba que derrubou avião russo no Sinai

BAGDÁ — Uma revista do Estado Islâmico revelou uma imagem da suposta bomba que provocou a queda do avião russo no Egito no final de outubro, matando as 224 pessoas a bordo. A foto foi publicada na 12ª edição da revista do grupo extremista em inglês, que também informou sobre a execução de dois reféns: um chinês e um norueguês.

A bomba aparece na imagem ao lado de uma lata do refrigerante Schweppes, onde estava inserida, e com a legenda: “Exclusivo: imagem do IED (Artefato explosivo improvisado) usado para derrubar o avião russo”. Não foi possível identificar a autenticidade das imagens.

 

 
 

O grupo extremista, que tem um braço na península do Sinai, já havia reivindicado responsabilidade pela queda do avião, que decolou do balneário de Sharm El-Sheik com destino a São Petersburgo, na Rússia. Os extremistas também disseram ter encontrado falhas de segurança no aeroporto egípcio e afirmaram que o plano inicial era derrubar um avião de um país ocidental, mas houve mudança de alvo após a Rússia lançar ataques na Síria.

 

“Os cruzados do Leste e do Oeste acreditam que estão salvos em seus jatos enquanto bombardeiam covardemente os muçulmanos do Califado”, diz a revista. “A vingança foi colocada em prática contra aqueles que se sentem seguros.”

 

Na terça-feira, o presidente Vladimir Putin admitiu pela primeira vez que a aeronave tinha sido derrubada por terroristas e intensificou os ataques aéreos em Raqqa, reduto do EI no território sírio.

Na mesma edição da revista Dabiq, o EI anunciou ter matado dois reféns, mostrando fotos que pareciam ser de homens mortos com uma faixa dizendo "executados". Os extremistas haviam anunciado o sequestro do chinês em setembro, enquanto o norueguês foi capturado em janeiro. A publicação anterior havia dito que os dois estavam "à venda" e pedia resgate pela libertação.


http://oglobo.globo.com/mundo/...so-no-sinai-18080969

 

Em tempo - o Latuff é cartunista de petralhas e esquerdalhas. É o mesmo que declarou que aquele garoto que matou os pais, ambos da PMSP, e depois se suicidou, merecia uma medalha por ter eliminado dois policiais. Gente finíssima e completamente imparcial. 

 

Quando eu vejo uma caricatura desse babaca eu tenho vontade de vomitar.

Recebi um email alarmista, dizendo que a 3a Guerra já começou e será no Oriente Médio, até 2020, portanto daqui a 5 anos a Europa estará islamizada, que o euro vai acabar e quem vai sustentar a economia europeía será a Arabia Saudita.

Até acredito que muçulmanos influenciem a vida européia, a Bélgica parece que é um celeiro de radicais, mesmo com a quantidade de refugiados lá, que serão diluídos na população, o Europeu não vai parar de bebe alcool e comer carne de porco pois faz parte da economia e cultura deles e isto afastariam outra moeda a do turismo, quando houve a expulsão dos árabes séculos atrás, festejaram comendo carne de porco e bebendo vinho, o euro realmente balança, mas acho muito alarme e é bem capaz de uma guerra por lá varrer os estados árabes refazendo inclusive fronteiras, e uma grande luta da europa é manter os árabes e africanos onde estão, não querem mais imigrantes de baixa qualidade, então se morrem por lá satisfaz os europeus. 

Como tem pro-vermelhidão por aqui, meu!......

 

Perguntinha que vem ao caso: quem estará custeando todo esse "passeio" russo la pela Siria?...

 

Alias, já passava da hora mesmo da Russia fazer algo de útil pelo mundo, pois desde a segunda guerra só tem feito M*erda...

 

Tanto eles quanto a França estão, da forma mais difícil, acabando por entender o que os Americanos vem falando desde há muito: Terrorismo e Extremismo sao inimigos de TODOS...e não adianta tentar se manter isolado da luta contra eles...ou você os combate mais cedo, ou vai ter que fazê-lo depois de ser vítima deles...

 

E seria bom o Brasil levar isso bem a sério também, pois para um maluco resolver se explodir no Carnaval, ou num estádio nosso ai, nao custa...

 

Só é pena que nenhum deles nunca pensou em fazer o mesmo no Congresso, Palácio do Planalto, etc...estariam fazendo, aí sim, um grande bem a humanidade...

 

Edilson 

Como eh difícil pra certas pessoas admitir que o Putin está dando um no na política externa americana, dando uma aula de estratégia militar no Barack Obama.
Que conexão atual a Rússia tem com vermelho e comunismo? Gostar da Russia eh ser petista, comunista? Está na hora de vcs se atualizar em sobre a situação geopolítica do mundo, mas façam isso em fontes neutras, sem ideologia para qualquer lado que seja.
E sobre os EUA combaterem o terrorismo: estão combatendo a cria deles mesmos! A algumas semanas atrás eles mesmo lançaram 50t de armas para os terroristas "moderados", e no ataque de 3 dias atrás, contra os caminhões tanque, 1h antes dos ataques um avião despejou folhetos dizendo para os terroristas de esconderem, pois iriam destruir tudo. O taleban começou assim TB, com armas e treinamento fornecido pelos EUA para combater os soviéticos no Afeganistão.
Originally Posted by Bruno Zeni:
Como eh difícil pra certas pessoas admitir que o Putin está dando um no na política externa americana, dando uma aula de estratégia militar no Barack Obama.
Que conexão atual a Rússia tem com vermelho e comunismo? Gostar da Russia eh ser petista, comunista? Está na hora de vcs se atualizar em sobre a situação geopolítica do mundo, mas façam isso em fontes neutras, sem ideologia para qualquer lado que seja.

Bruno,

 

Estou cada vez mais concordando com você 

 

Você viu um vídeo recente de um deputado russo metendo o pau no comunismo? Achei fantástico, inclusive a parte que fala que até os EUA financiaram a Revolução Bolchevique. 

 

Mas Bruno, tenha em mente o seguinte: O ser humano é muito vaidoso, portanto pra ele é difícil mudar de opinião, admitir que estava errado 

 

Sou fã de Vladimir Putin. Esse cara é anti-comunista, patriota e expansionista. Deve ser descendente direto de Ivan, O Terrível  

 

E agora quero ver o que o Paulors disse: Cadê os caras que criticaram os EUA pelo intervencionismo no Iraque e Afeganistão depois do 11 de Setembro?

 

E olha que a Rússia nem sofreu um atentado direto de grandes proporções antes da ocupação de Latakia.

 

Não existe almoço de graça, tampouco mocinhos. Quem se mexer primeiro com maior poder, vai dominar o mundo e Obamis está dando terreno pro Putin. Isso pode representar a perda dos Democratas nas próximas eleições. E já vão tarde. 

Originally Posted by Bruno Zeni:
E sobre os EUA combaterem o terrorismo: estão combatendo a cria deles mesmos! A algumas semanas atrás eles mesmo lançaram 50t de armas para os terroristas "moderados", e no ataque de 3 dias atrás, contra os caminhões tanque, 1h antes dos ataques um avião despejou folhetos dizendo para os terroristas de esconderem, pois iriam destruir tudo. O taleban começou assim TB, com armas e treinamento fornecido pelos EUA para combater os soviéticos no Afeganistão.

Noriega, Bin Lade, Taliban (Outrora Mujaheedins), Saddam Hussein, Estado Islâmico, e mais uma horda de tiranos e grupos terroristas, todos devidamente treinados pela CIA.

 

Dão asas às cobras e depois conseguem manter a economia bélica com vigor. Essa é a proposta.

 

Olha que legal essa foto:

 

 

Quem tem mais de 40 anos se lembra do caso Irangate ocorrido nos anos 80, sob administração de Ronald Reagan. Oliver North o pivô, continua nas forças armadas, mas aposentado e como free-lancer, coordenando a aproximação com o caras que outrora ele abasteceu de armas contra russos. E uma coisa muito interessante: Não estão destruindo os campos de papoula. 

Aos poucos vai se desvendando alguns mitos...

 

1. A Rússia articulou com os EUA a troca de informações sobre ataques, antevendo que se deslocasse um ataque com bombardeiros maciço como fez (24 aviões de uma vez), precisava deixar claro que não era hostil aos EUA.

Com tanto satélite, seria impossível camuflar uma decolagem dessa como ataque ao EI, sem colocar todo aparato militar dos EUA e OTAN em alerta total.

 

2. Acredito que Rússia e França vão atacar infraestrutura e capacidade de financiamento do EI pelo ar, para depois colocar todas as tropas contornando os territórios, numa operação abafa (tipo cercando o frango ).

Ambos países tem uma doutrina de tratar terroristas à altura: mata bem morto, depois pergunta se doeu, para depois perguntar se tá a fim de negociar (com o capeta  ).

 

3. Os EUA e a OTAN não entraram porque não é hora.

A inteligência dos EUA com certeza estão mapeando meticulosamente a estratégia de bombardeiro dos russos. Isto não tem preço.

 

4. O EI está sentindo o peso de desafiar a torto e a direito.

Eles não tem regras de cavalheiros, não pode pedir clemência.

Não é guerra entre estados nacionais, logo são tratados como terroristas ou criminosos, sem convenção de Genebra.

 

5. Como neste mundo o que menos tem é santo, o EI atraiu um monte de simpatizantes que gostam de poder e dinheiro, camuflado de guerra santa religiosa.

Aventureiros, ladrões, criminosos, gangs, etc. aproveitaram para se juntar. A reboque atraíram jovens idealistas e/ou iludidos, bem como a turma do toddynho (lá na Europa e no Oriente Médio também tem) que tá cagando pro mundo e se morrer tudo bem, o negócio é aventura.

 

6. Enquanto os tontos vão se matando em nome de alguns espertalhões, alguns mais malandros começam a sentir que vão pro saco.

E já estão cobrando a conta da chefia nesta vida.

É líderes fugindo para áreas mais seguras.

Outro com medo de suas próprias crias.

Impagável: "I was in Raqqa once, and there was five or six Chechens. They were mad about something. So they came to see the emir of Raqqa," Abu Khaled said. "He was so afraid, he ordered ISIS to deploy snipers to the roofs of buildings. He thought the Chechens would attack. The snipers stayed there for two hours."

 

http://finance.yahoo.com/news/...group-202322761.html

 

7. Como russos e franceses estão atacando a fonte de receita do EI, ninguém fica muito tempo arriscando morrer literalmente de graça, sem direito a seguro para a viúva.

 

 

Concluindo, a chapa tá esquentando para o EI.

Mais um atentado e outros países entram para passar pente fino de ovo de piolho no deserto...

 

Meus 2¢

Mais dois cents:

 

1- Quem acredita que a Rússia entrou lá para combater os barbudinhos do EI pode entrar na fila para comprar uma de minhas moedas do Judas. Faço até um desconto e ainda incluo um pedaço da forca do Tiradentes junto.

 

2 - O EI terá que ser combatido nas ruas da Europa (Russia inclusa) e América do Norte. Jatos ultramodernos, tanques, mísseis nucleares, porta-aviões, submarinos e assemelhados de nada servirão. São o mesmo que merda nesse novo tipo de conflito. O que vale é inteligência, informação, propaganda, vigilância e sistemas de controle. Ninguém vai enfrentar um terrorista armado em um estádio de futebol com um Mig-29.

Originally Posted by paulors:

Mais dois cents:

 

1- Quem acredita que a Rússia entrou lá para combater os barbudinhos do EI pode entrar na fila para comprar uma de minhas moedas do Judas. Faço até um desconto e ainda incluo um pedaço da forca do Tiradentes junto.

 

2 - O EI terá que ser combatido nas ruas da Europa (Russia inclusa) e América do Norte. Jatos ultramodernos, tanques, mísseis nucleares, porta-aviões, submarinos e assemelhados de nada servirão. São o mesmo que merda nesse novo tipo de conflito. O que vale é inteligência, informação, propaganda, vigilância e sistemas de controle. Ninguém vai enfrentar um terrorista armado em um estádio de futebol com um Mig-29.

 

Como disse antes, o Mar Cáspio e o Cáucaso estão cheios de petróleo precisando chegar no Mediterrâneo.

Outra coisa: parecia óbvio que o primeiro passo para reestabelecer a ordem nesses países era retirar o ditador do poder. Saddans e Kadafis depois provam o contrário. 

Sempre fui a favor da intervenção militar após os ataques de 11 de setembro, e até mesmo na segunda invasao do Iraque, onde pegaram o Saddam (onde os EUA mentiram sobre as armas químicas como o pretexto da invasao)

Por isso sou contra tirar Assad do poder. Quando a população do país é dividida em facções/tribos/castas/etnias explosivas, eles não querem o American Way of Life. é preciso um cara com colhões para manter a ordem, por mais que isso pareça impossivel as vezes.

Originally Posted by Bruno Zeni:

Sempre fui a favor da intervenção militar após os ataques de 11 de setembro, e até mesmo na segunda invasao do Iraque, onde pegaram o Saddam

Eu não.

Sempre fui a favor de cercar o país, murar mesmo, e deixar que se matem lá dentro até a extinção total. Depois derruba tudo e começa do zero, do jeito certo.

Não há outra maneira a não ser começar do zero.

Originally Posted by JeanFabricio:
Originally Posted by Bruno Zeni:

Sempre fui a favor da intervenção militar após os ataques de 11 de setembro, e até mesmo na segunda invasao do Iraque, onde pegaram o Saddam

Eu não.

Sempre fui a favor de cercar o país, murar mesmo, e deixar que se matem lá dentro até a extinção total. Depois derruba tudo e começa do zero, do jeito certo.

Não há outra maneira a não ser começar do zero.

Seria bem mas fácil

mas para isso voce teria de exterminar toda a população local, ou seja, é um utopia!

Originally Posted by JeanFabricio:
Originally Posted by Bruno Zeni:

Sempre fui a favor da intervenção militar após os ataques de 11 de setembro, e até mesmo na segunda invasao do Iraque, onde pegaram o Saddam

Eu não.

Sempre fui a favor de cercar o país, murar mesmo, e deixar que se matem lá dentro até a extinção total. Depois derruba tudo e começa do zero, do jeito certo.

Não há outra maneira a não ser começar do zero.

Tem outra maneira de começar do zero.... cerca aquela bosta, arregaça com misseis nucleares, transforma aquele areal em estacionamento e aí sim, derruba o muro.

Originally Posted by Andre Mattos:
Originally Posted by JeanFabricio:
Originally Posted by Bruno Zeni:

Sempre fui a favor da intervenção militar após os ataques de 11 de setembro, e até mesmo na segunda invasao do Iraque, onde pegaram o Saddam

Eu não.

Sempre fui a favor de cercar o país, murar mesmo, e deixar que se matem lá dentro até a extinção total. Depois derruba tudo e começa do zero, do jeito certo.

Não há outra maneira a não ser começar do zero.

Tem outra maneira de começar do zero.... cerca aquela bosta, arregaça com misseis nucleares, transforma aquele areal em estacionamento e aí sim, derruba o muro.

Não adianta.

 

A quantidade de muçulmanos radicais espalhados no mundo é o suficiente para voltar e ferrar com o estacionamento. Olha o exemplo do sionismo. 

Originally Posted by Lussari:

Ambos países tem uma doutrina de tratar terroristas à altura: mata bem morto, depois pergunta se doeu, para depois perguntar se tá a fim de negociar (com o capeta  ).

 

 

Terrorista se combate com terror, não com folhetinhos .... eles tem que ter medo e não peito ... 

Não sou a favor de uma bomba "H" ou coisa parecida, mas o Japão se dizia "invencível" até ver de perto a verdadeira face do terror em suas ruas, o resto todos sabem..

 

Incluir Resposta

×
×
×
×