O Trem Marklin de Goring

Artigo parcialmente traduzido do original em ingles que pode ser encontrado aqui: http://marklinstop.com/2011/12...s-miniature-railway/

 

Marklin em Carinhall: Estrada de ferro em miniatura de Hermann Goring

 

Muito se tem discutido sobre os trens em miniatura de Hermann Göring como por exemplo onde ele os conseguiu, quantos trens possuía e onde foram guardados? Neste artigo várias questões serão discutidas, embora muitas das perguntas continuem sem resposta.

 Graças a muitos meses de pesquisa, fotos incríveis e documentos foram descobertos relativos as ferrovias de Hermann Göring em sua casa que tinha o nome de Carinhall em homenagem a sua esposa.

 A pesquisa provou que muitas fontes individuais (livros, artigos de revistas, etc) não foram todos 100% precisos mas que as informações fariam sentido quando todas as fontes fossem reunidas e analisadas como um todo. A minha esperança é que este artigo possa se tornar a base para mais pesquisas para ser feito sobre este tema.

É importante primeiro entender um pouco da personalidade de Hermann Göring que foi o comandante da Luftwaffe (força Aérea Alemã) durante a Segunda Guerra Mundial  e Marechal das Forças Armadas Alemãs.                  

Ele era um homem bastante corpulento e certamente gregário, Ele dramatizava a situação e desfocava os detalhes a fim de aumentar sua imagem frente a seus admiradores.  Esta característica de Göring é importante levar em conta quando se analisa os documentos e outros elementos de informação que nem sempre são corroborados por outras fontes.

 

Göring em pé ao lado de seu caça Fokker D.VII na Primeira Guerra Mundial

Ele também tinha um gosto especial para antiguidades, objetos de arte e outros artefatos históricos de valor inestimável incluindo estátuas gregas, pinturas, esculturas de arte e muito mais. Equipes especiais foram encarregadas de coletar estas peças em museus, bibliotecas e coleções particulares e em seguida fazer um inventário de todos os itens a serem dispersos em toda a cadeia de comando nazista. Muitos desses itens acabaram em Carinhall , sua residencia de caça localizado a nordeste de Berlim. 

 

Uma das salas em Carinhall forrado com tapeçarias, pinturas e esculturas

 Carinhall também abrigava um extenso modelo ferroviário das marcas Trix e Marklin, mas muitas publicações deixaram de observar que Göring teve duas ferrovias Marklin, um em seu porão e outra em seu sótão. Um destes livros mostra uma foto de Göring a operar sua ferrovia Marklin, o subtÍtulo do livro afirma que esta estrada de ferro estava em seu sótão. No entanto, as diferenças de layout entre a ferrovia no sótão e no porão pode ser visto claramente (para não mencionar a estrutura do porão / sótão - a cave tem tetos planos enquanto o sótão tem tectos inclinados). O layout do sótão, o que eu acredito que foi construído em primeiro lugar e em seguida expandiu-se em um layout de porão, provavelmente foi posto em prática em algum lugar entre 1933 (data inicial de construção da casa) e 1938 (quando esta foto foi tirada).

 

Göring operando a ferrovia do sótão para os visitantes da casa, incluindo o Almirante von Horthy

 É importante notar que este é o layout do sótão por causa dos tectos inclinados visto à esquerda de Göring. Ele esta vestindo seu traje típico de caçador (colete com camisa branca por baixo). Eu avalio essa imagem para cerca de 1938, pois se fosse qualquer momento depois Göring estaria vestindo seu uniforme de Reichsmarschall que ele usava quase que exclusivamente em fotos após esta data quando ele foi promovido (fevereiro de 1938). A foto acima também apresenta o que parece ser o modelo de traçado da Marklin Rennbahn com pista elevada que corre para o interior de um túnel, a locomotiva no entanto não parece ser o típico utilizado na cor vermelha ou branca. Talvez o seu modelo Rennbahn tenha sido alterado, o que quer que esta maquete era, parece mais provável uma temática militar com possivelmente algum tipo de arma ligado a ela. Os tetos inclinados do sótão são vistos mais claramente na foto abaixo, mas o sistema Rennbahn esta faltando, ou seja, a foto foi tirada em uma data anterior..

 

Layout do sótão provavelmente meados de 1930 com 70 ME 12920 em cinza e CCS 66 12921 (ou 12920?)

 

A foto acima também pode ser a prova para o boato de que Göring tinha um sistema em que uma réplica em miniatura de avião passava por cima da maquete e soltava as pequenas bombas de madeira ao premir um botão na mesa de controle. Supostamente ele fazia um show para seus convidados cronometrando a faixa abaixo e acima do plano de tal forma que a pequena bomba de madeira iria cair no trem. O lado esquerdo da foto acima mostra dois fios que correm o comprimento da sala acima e paralelo aos trilhos. Esta fiação seria um fio por onde passaria um avião para um bombardeio no trem abaixo. Um mecanismo adequado para lançar bombas de madeira seria um eletroímã no compartimento de bombas do avião que libera a bomba quando a corrente é cortada (por meio de um interruptor no painel de controle).Isso pode explicar por que há dois fios: um para segurar o avião e outro para segurar os fios que o pode ser o do eletroímã.

O layout do porão que eu acredito que foi criado depois da ferrovia em miniatura no sótão era provavelmente um pouco maior que o layout do sótão e certamente tornou-se muito mais desenvolvido com trilhos elevados e um sistema de passagem dos vagões que foi provavelmente emprestado do layout do sótão. Há rumores de que até dois empregados da Marklin trabalharam por um período de tempo desconhecido na montagem e manutenção da pequena ferrovia. Outro relato em primeira mão afirma que o layout foi construído pela Siemens & Halske, uma empresa de engenharia elétrica durante esse tempo. A área que abriga a ferrovia no sótão tem aproximadamente 240 metros quadrados. Porque não há fotos gerais de layout do porão (até quanto eu sei), eu usei a modelagem 3D e software de animação para criar uma reconstrução de layout de porão. Usando como base a altura de Göring de aproximadamente 1,80m (5 pés e 10 polegadas) e a metragem conhecida do porão, as dimensões (comprimento x largura x altura) do porão foram calculados. Outras características do subsolo não visto nas fotos históricas são pura especulação. Se ele tinha peças caras de arte ou mobiliário em seu porão não é conhecido por mim, mas certamente se encaixaria com a forma como o resto do Carinhall foi decorado.

 

Figura 5 reconstruÇão 3D de Goring

Figura 6  Se o porão Carinhall era de fato retangular, teria sido muito longa!

 

Figura 7 Marklin modelos CCS 12921 e 12921 TK; Não é certo se essa foto é do sótão ou porão mas eu presumo que era do layout do porão e feita pelo artista Walter Frentz que visitou Carinhall em 1945, quando o layout do sótão já tinha provavelmente sido desmontado e se mudou para o porão.

 

Maquete ferroviária: Göring nos controles fumando uma cigarrilha

 

Outro ponto de vista, Göring e alguns oficiais visitantes observando a maquete ferroviária da Marklin no porão (O livro onde esta imagem foi encontrada informa incorretamente sobre o local)

 

Possivelmente esta é continuação de uma sequencia de fotos anteriores com o mesmo layout, ele é mais desenvolvido com trilhos elevados e sistema de mudança de trajeto. No fundo vários modelos podem ser vistos sobre a mesa. Os dois no lado esquerdo parecem ser peças de artilharia / argamassa, enquanto à direita parece ser um trem blindado ou um canhão ferroviário.

 

O que ainda não está claro é o fim que levou este sistema de trens e as suas partes e peças após a destruição e abandono de Carinhall em 1945, a partir dai grande parte da pesquisa ficou em branco. Uma Lista discriminada de artigos retirados de Carinhall pelos trabalhadores não pode ser encontrado, documentos que detalham o conteúdo dos trens particulares de Göring foram escondido em um túnel para sua segurança nunca foram encontrados e os fundamentos atuais de Carinhall estão supostamente protegidos pela lei que proíbe uma maior pesquisa no local. Museus ao redor da área que tem itens de Carinhall em exposição e que contém antigas miniaturas de trens enferrujados disseram ter sido encontrados no local do Carinhall destruído. Outros que visitaram o site da Carinhall no dia de hoje também atestam o fato de que peças de trem estavam espalhados no chão ao redor da área. Isto não significa no entanto e não exclui a possibilidade de que alguns dos trens mais valiosos tenham sido salvos. Uma quantidade igual de histórias existem que suportam a sobrevivência de alguns, se não de todos os materiais de trem da coleção de Göring.

A ideia de que Göring teve uma edição especial de trens da Marklin (por exemplo, Rheingold libré 40CM) vagões de 1930 Super-Modelle e locomotivas especialmente produzidas em uma determinada bitola, etc) ainda permanece em questão. Parece que esses trens de ordem especial teriam aparecido nas fotos descobertos neste artigo porém nenhum deles fazem parte do inventário. Todos os trens retratados neste artigo são de uma produção normal e típico do período de tempo em que foram tiradas as fotos.

Embora este artigo apresente uma imagem mais clara da Marklin miniatura ferroviária de Hermann Göring, muitas questões ainda permanecem sem resposta e particularmente uma questão importante:  onde foram parar todos os trens ?

Original Post

Tirando o psicótico proprietário, mas a ideia da maquete no sotam eu gostei!

Da pra fazer umas coisas bem interessantes com um puta espaço destes!

Eu só me pergunto como ficaria o pó de um sotam em uma maquete?

Eu iria ficar mais tempo tirando o pó que me divertindo  .

Mas que a ideia é boa é!!

[]s

JEP Annoni

Incluir Resposta

Curtidas (1)
Wolf
×
×
×
×