Riachuelo: uma batalha de controvérsias

A Batalha Naval do Riachuelo tem sido muito discutida nestes últimos cento e cinquenta anos. As interpretações de autores de língua inglesa têm sido particularmente duras com a atuação da Marinha do Brasil. O que se pretende discutir neste artigo é o ofício do historiador e seus instrumentos profissionais para, a partir dessa discussão, analisar cinco controvérsias. A posição inicial da força naval imperial, a comparação de poderes combatentes, o início da batalha, o desempenho de Barroso no combate e por fim se essa batalha foi efetivamente decisiva. Texto em pdf:

http://www.revistanavigator.co...ssie/N21_dossie4.pdf

 

Original Post

de  toda  forma  subir  num rio  não mapeado (todo o território do  paraguai  era  desconhecido-não cartografado - cheíssimo de  regiões  rasas  de  rio com  pantanos / brejos  para  dificultar ainda  mais  acesso  ao  terreno) longe  de  qualquer  fonte de suprimentos  adequados  e deve-se  lembrar  que  quem poderia  ter  melhores informações  sobre o terreno  seriam  os  ingleses  da época,  já  que  se  não me  engano eles colocaram  a única  ferrovia  paraguaia  e  ajudaram na  instalação   do forte  de  humaitá, que  seria também um forte  obstaculo  a ser  superado ),  com margens não seguras  com paraguaios  ocupando  até  as  margens  do rio corumba  em mato grosso  (e que  seriam  somente  retirados de  lá  no  final de  67-68) ,   sem comunicações  adequadas  é sempre  uma  grande  confusão e  atividade  de risco.........una  cosa  es el canto libre, otra es  com la guitar........ no  final  teve  melhor  resultado  quem errou  menos e/ou teve mais  sorte....

plastiresiabços paulo r morgado - sp - sp 

Incluir Resposta

Curtidas (0)
×
×
×
×