Resposta to "Chegaram os Russos - Perdas russas durante a operação militar na Síria"

Marinha britânica não tem recursos para escoltar navios russos

A Marinha do Reino Unido foi criticada por ter acompanhado os navios russos que atravessaram o canal da Mancha com apenas um helicóptero e um navio-patrulha, escreve o jornal britânico The Telegraph.

Segundo especialistas citados pelo jornal, a falta de uma fragata para escoltar os navios russos põe em dúvida a capacidade da Marinha do país de poder reagir a ameaças potenciais.

O artigo sublinha que tal estado da Marinha se deve à redução significativa do orçamento militar.

"Há menos de cinco anos a Marinha do Reino Unido afirmou que os navios-patrulha não servem para cumprir tais tarefas. Daí a pergunta: o que é que mudou desde então?", questiona o político escocês Luke Skipper, citado pelo The Telegraph.

Um representante do Ministério da Defesa britânico, por sua vez, disse que a Marinha do país possui uma fragata que é usada quando há necessidade.

Anteriormente, foi informado que um grupo naval russo que atravessou o canal de Mancha foi escoltado pelo navio-patrulha Mersey e por um helicóptero Wildcat. O grupo naval russo era constituído pelo navio de desembarque pesado Aleksandr Otrakovsky, pelo navio de reconhecimento Fyodor Golovin e pelo navio-cisterna Yelnya.

Aleksandr Otrakovsky fez parte durante cinco meses do grupo naval russo permanente no mar Mediterrâneo. O navio deve voltar à sua base de origem na primeira metade de março.









 
×
×
×
×