Resposta to "Fechamento da Loja Horiginal & perspectivas do hobby"

Que triste. Realmente de certa forma me surpreendeu.

O curioso, é que morando em São Paulo, estava programando ir à HO hoje ou segunda.

Há algum tempo venho observando com cautela, porque o movimento da loja foi sempre no sentido de redução. A cada mudança a planta ficava menor com menos disponibilidade de espaço e recursos. Cheguei a ter aula de modelismo com um colega modelista que dava aulas lá. Mas, tinha esperança de que fosse uma fase e que , em algum tempo, superariam.

Nessa última mudança, ficou claro para mim que não iria durar muito. Uma lástima, porque como muitos, conheci a fase do subsolo e me marcou . Foi ali que eu realmente me liguei ao hobby.

Já vi que vou ter que reservar uma grana para subir o nível do estoque e torcer para durar até quando não possa mais montar. 

Ser empresário no Brasil ainda é uma atividade para super-heróis. Já fui e infelizmente o que te salva é o que em qualquer lugar te condena. O errado. Se quiser fazer o certo, a vida será curta ou muito dura.

Edu

×
×
×
×