Resposta to "Montagem para iniciantes - SdKfz 7 - 1/72"

O primeiro passo para se montar um modelo é tirar as peças das arvore. Pode parecer estranho, mas fazer isto corretamente vita um monte de problemas e trabalho desnecessário.

O método mais conhecido e que todo iniciante usa é simplesmente torcer ou balançar a peça até que ela se solte. Isto é muito arriscado pois pode deformar ou mesmo quebra a peça. Então vamos a métodos um pouco mais "sofisticados"

1- Usar um estilete

É o método mais barato e funciona bem, os incoveninetes além, do risco de cortar o próprio dedo (que modelista já não fez isso?) tem problemas em peças pequenas. Como nem sempre é possível apoiar a peça sobre uma superfície de apoio as vezes ao forçar o corte se quebra a peça. Assim é melhor sempre usar uma lâmina nova para este serviço. ( Ok a minha não é exatamente nova, mas eu uso outros métodos)







2- Usar um alicate de corte plano ou reto.

Esta é uma solução mais segura e em muitos casos dá um corte bem limpo. Mas lembre-se de que tem de ser um alicate de corte reto, os de corte oblíquo não servem. O incoveniente é que nem sempre há espaço para se inserir o alicate e as vezes quando o plástico é muito macio a peça pode sofrer algum dano. Em plásticos muito macios a solução 1 é mais recomendada. Um bom alicate também não é barato, mas vale o investimento.





3- Pinça cortadora

Esta solução junta as duas primeiras numa só e é a minha preferida. Infelizmente nunca vi uma ferramenta destas por aqui que tivesse um mínimo de qualidade, só importando. As vantagens são claras, tem o alcance de um estilete e a facilidade de corte do alicate, só não recomendo para cote de peças muito grossas, ai é melhor usar o alicate.







Cortadas as peças vamos a mais chata tarefa do modelismo, acertar as rebarbas que ficaram dos pontos de ancoragem das peças nas árvores. Por melhor que seja o seu corte sempre sobra uma ou outra rebarba para tira, aqui vou usar as rodas que acabei de cortar.
Para isso vou usar uma lixa de bloco que pode ser comprada em casas que vendem produtos para manicura, se tiver vergonha peça a sua mulher, namorada, irmã, mãe para comprar. Como o nome diz é uma lixa que vem colada num bloco e que facilita bastante o manuseio. No meu caso é uma de 4 lados com 4 lixas diferentes variando da mais grossa até a que serve para o polimento.

O segredo aqui é não fazer força. A lixa é feita para se acomodar ao contorno das unhas e se você fizer força vai acabar com uma superfície arredondada. Claro que para superfícies curvas é muito recomendada.

Existem alternativas como lixas de unha comum, ou mesmo limas. Fica a critério de cada um ver com o que se adapta melhor.

Então com toda paciência do mundo acertamos as rodinhas.



Este kit é bem antigo (se você for esperto e só comprar coisa novas vai escapar deste tipo de coisa) e também tinha rebarbas internas. Neste caso as lixas não resolvem. Então aqui temos duas abordagens.

Rebarba que não se alcança com a lixa e em furos irregulares se resolve com diferentes tipos de estiletes.





Neste caso um estilete de ponta mais fina.





Já no caso de furos redondos sempre vem a idéia de se enfiar o estilete e rodar. Isso pode funcionar, mas a mão tem de ser muito firme. Qualquer inclinação no estilete e o furo vai ficar deformado.

Neste caso o melhor é usar pequenas brocas de cabeça redonda que se compra em lojas que vendam material para relojoeiro/ourivesaria. O melhor é ter diversos tamanhos já que elas custam muito barato.





Aqui têm várias e de outros formatos para usos mais específicos, que explicarei depois.





Serviço pronto vamos guardar estas rodinhas já que peças pequenas tem o mau hábito de sumir da bancada quando não estamos olhando. Para isso é sempre bom ter uns potinhos, de preferência com tampa.




Neste intervalo uma palavra sobre as colas que vão ser usadas.

As colas para estireno são fusoras, ou seja, elas colam fazendo com que o plástico das duas peças que se pretende juntar, derreta e se misture. Quando a cola evapora o plástico unido volta a endurecer e a união esta formada. Um erro muito comum dos iniciantes, ao ver que uma peça não fica no lugar, é adicionar mais cola. Isso só vai fazer o plástico derreter mais e piorar as coisas, além do risco de acabar deformando a peça. Então paciência e espere a cola evaporar para a união ficar firme. Se for preciso prenda as duas peças enquanto a cola "seca". Vamos ver isso mais adiante.

Nesta montagem vamos usar dois tipos de cola.




Ambas são colas líquidas, mas com viciosidades diferentes. Isto quer dizer que uma é mais "grossa" que a outra.

A Revell é bem mais espessa.



Já a Polly é líquida como água.




Mas porque dois tipos de cola?

Elas vão ter funções diferentes de acordo com as suas características. A cola "grossa" evapora mais lentamente, então derrete mais o plástico e com isso fornece uma junção mais forte, além disso, permite que se cole superfícies maiores. Já a cola mais "fina", por evaporar mais depressa, derrete menos o plástico e por isso é indicada para peças muito pequenas que poderiam se deformar com o uso de uma cola mais forte.

Além destes dois tipos existem outros tipos de cola. Cola para estireno em forma de gel, mais forte ainda por evaporar mais lenmtamente, e as colas tipo superbonder. Tudo vai depender da experiência e adaptação de cada um.

Como alternativa barata para a cola mais fina pode-se se usar um líquido usado par dentistas para fazer moldes de acrílico. O JET. Lembre-se que para este uso voçê só precisa do líquido e não do pó que é vendido separadamente.





Dica: Se ao colar uma peça a cola se espalhar por onde não devia, resista a tentação de tirar o excesso passando o dedo ou alguma outra coisa. Ela já vai estar amolecendo o plástico e a chance de arruinar algum detalhe é grande. O melhor é na fazer nada e esperar que ele evapore, acredite os danos serão menores e mais fáceis de reparar. Se o excesso for muito grande tente remover apenas encostando-se à cola a ponta de um papel absorvente.


Dica 2 – Para iluminar a bancada eu uso aquelas lâmpadas eletrônicas, dão boa iluminação e não faz você se sentir como se estivesse numa sauna. Eu prefiro as amarelas (2700K) de 23 w.






Por enquanto é isso, espero que seja de alguma utilidade porque está dando um trabalho danado. Maneiro !!!!
×
×
×
×