Resposta to "Montagem para iniciantes - SdKfz 7 - 1/72"

Que bom que estejam apreciando o trabalho e peço mais uma vez desculpas pela falta de atualizações. Quase sempre eu faço esta montagem aproveitando as manhãs de sábado onde a luz ajuda nas fotos. Infelizmente tenho trabalhado quase todos os sábados e isto esta me deixando sem tempo.

A pintura eu vou fazer basicamente usando aerógrafo mas vários detalhes vão ser pintados com pincel. Sei que tem muita gente que só usa pincel e pensei mesmo em fazer este modelo usando apenas o pincel, mas como faz muito tempo que não faço isso não sei se ia ficar bom. Além disso aerógrafo é um passo quase que obrigatório para quem quer evoluir na qualidade dos modelos. Ainda assim como alguns detalhes vão ser feitos com pincel acho que vai dar para ter uma idéia de como fazer.

Aproveitando vou colocar um texto que já estava pronto.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Bom esta parte será apenas teórica já que vou falar de alguns conceitos. Não tinha certeza se devia passar por este estágio, mas como estou sem tempo para fotos lá vai.

Desde que eu me lembro tenho ouvido que antes da pintura de deve dar uma lavada no modelo, de preferência com água e sabão neutro. O objetivo é livrar o plástico de agentes desmoldantes e outras impurezas que possam interferir com a adesão da tinta. O fato é que eu nunca lavei um kit na vida e mesmo usando tintas acrílicas, que são conhecidas pela baixa capacidade de aderência, nunca tive qualquer problema.

Neste caso meu conselho é: Lave o modelo, prudência e caldo de galinha nunca fez mal a ninguém como já dizia minha santa avozinha. No entanto muito cuidado para não perder pequenas peças que podem se soltar no banho, recomendo fazer isso numa bacia ou pelo menos numa pia com tampa.

Outra coisa muito falada é o primer, então vamos entender o que é isso e para que serve. O primer é basicamente um promotor de adesão, ele permite aumentar a aderência de uma tinta a uma determinada superfície aumentando assim sua resistência.

No caso de pintura com tintas automotivas, que não aderem bem ao plástico o primer é fundamental, sem ele a pintura vai se soltar ao menor esforço. Não vou entrar em detalhes aqui, pois não é a minha praia e tem gente muito mais gabaritada aqui apara falar sobre isso.

No caso das tintas acrílicas o primer pode ser de alguma ajuda, mas dependendo da qualidade da tinta não é necessário.

No caso de tintas esmalte é totalmente dispensável.

No entanto usa-se o termo primer para descrever um outro processo que nada tem que ver com a adesão da trinta. Um efeito que se pode notar fazendo qualquer experiência é que tintas claras mostram muito mais os detalhes e, por conseguinte, os defeitos, do que tintas escuras. Então uma forma de se verificar com facilidade pequenos defeitos na montagem é dar uma primeira camada de tinta clara e fosca, ou semi-fosca, sobre o modelo, em geral um cinza claro. Isso vai ajudar a identificar pequenos defeitos principalmente se o plástico for escuro. Além disso, vai facilitar a cobertura quando se usar tintas como o amarelo e o branco que são de difícil aplicação sobre fundos escuros. Se esta tinta cinza for um primer real (promotor de adesão) melhor ainda. Deve-se apenas ter o cuidado de fazer uma camada bem fina para não encobrir pequenos detalhes do modelo sob as várias camadas de primer+tinta.

Ai vem a pergunta: Eu uso primer? Nunca.

Por que? Porque tenho uma preguiça danada, mas eu recomendo que se use. Maneiro !!!!
×
×
×
×