AIRFIX na Guerra das Malvinas

 

Hoje é dia 14 de junho de 2018.

Há exatos 36 anos, eu, com meus oito nos de idade brincava na sala enquanto meu pai assistia a esta edição do Jornal Nacional:

 

Aproveitando a data, estou postando aqui os kits que montei nas últimas semanas de parte da frota inglesa que participou do conflito, todos da Airfix, na 1/600. Os kits e o conteúdo das caixas são os seguintes:

"Falklands Warships"

20180524_153601-1

 

Deste set, optei por representar o HMS Glamorgan (único navio do mundo a sobreviver a um míssil Exocet):

images [1)

Eis as peças do Glamorgan:

20180524_214446-1

 

HMS Ardent (afundado pelos hermanos, após ataque aéreo pelos A-4):

hms-ardent

Eias as peças do Ardent:

20180601_091854-1

 

HMS Penelope (este passou ileso pela guerra):

20180528_214010-1

 

HMS Fearless (montei a versão da caixa; nas Malvinas ele operava com helicópteros Sea king e as lanchas de desembarque eram camufladas):

20180517_154947-1

 

Só para ilustrar e ver que os ingleses também levaram seu duro golpe, apesar de terem ganhado a guerra, segue esse interessante quadro de navios perdidos ou danificados:

ara-versus-royal-navy perdas

 

Mas vamos aos kits; montei direto das caixas, apenas cortando todos na linha de flutuação, sem adicionar sets de photoetched, mas tentei caprichar como pude e adicionar alguma coisa das minhas "caixas de sobras", dentro das minhas limitações. Espero que gostem:

 

 

HMS Ardent & HMS Penelope, sendo sobrevoados pelos típicos ataques rasantes dos A-4 argentinos:

20180614_15203620180614_15191520180614_15184920180614_15173020180614_151714

 

 

 

 

HMS Glamorgan, com sua cicatriz de batalha:

20180610_17264120180610_17261220180610_17255320180610_172528

 

 

 

 

HMS Fearless:

20180610_17273520180610_17275520180610_17284520180610_172913

 

 

 

Optei por fazer as três bases com comprimento de 30cm, para ser possível juntá-las em uma só:

20180610_17312520180610_17315420180610_17322320180610_173248

 

Obrigado pela visita pessoal, um abraço a todos,

Guilherme Santos.

Attachments

Fotos (25)
Original Post
paulors posted:

Muito bacana! Um belo conjunto!

Esses Airfix, apesar de antigos, montam bem. É uma pena que eles não tenham dado continuidade a essa série 1/600. Os últimos (como o  Belfast) já traziam muitos melhoramentos.

[  ]s

Sim, eles montam bem. Precisa de um pouquinho mais de dedicação para alinhar tudo, mas faz parte do prazer do hobby. Tenho o Belfast aqui; alguns o consideram o kit mais detalhado da Airfix nessa escala...

paulors posted:

Guilherme,

Já montei esse Belfast e é legal mesmo. Ele, o Prinz Eugen e o Repulse são os melhores da Airfix nessa escala. 

[  ]s

Humm, não sabia sobre a qualidade do Prinz Eugen e o Repulse da Airfix, bom saber! Montei esse Belfast para um amigo há anos. Anos depois comprei um kit desse Belfast pra mim e está aqui na caixa. Até me animou a montá-lo, mas, sendo pra mim, opto por cortá-lo na linha de flutuação e "lançá-lo ao mar"; não acho que escalas pequenas ficam interessantes em berços. uma base na água, por mais simples que seja, enriquece muito estes pequeninos.

Agora, se você tem um bichão 1/350, aí tudo bem... Mesmo no berço a maquete será imponente e interessante aos olhos. 

Grande abraço!

Que belezinhas!

Fazia tempos que não via destes Airfix, realmente alguns eram muito bons,  montei varios, mas foi bem antes das Malvinas...

O Fearless era um dos meus preferidos, muito bom vê-lo  novamente, ainda mais numa montagem e acabamento tão primorosos!

Parabéns e PlastiAbraços

Rubens posted:

Que belezinhas!

Fazia tempos que não via destes Airfix, realmente alguns eram muito bons,  montei varios, mas foi bem antes das Malvinas...

O Fearless era um dos meus preferidos, muito bom vê-lo  novamente, ainda mais numa montagem e acabamento tão primorosos!

Parabéns e PlastiAbraços

Obrigado Rubens.

Montei um Fearless desses quando era aborrecente, "daquele jeito", tudo sem pintar e tal... De uns anos pra cá venho readquirindo esses kits que tive (e, obviamente não existem mais) e tentando "me redimir", pelo menos com uma montagem respeitável para com eles.

Obrigado pelos elogios!

Abraço!

muito bom o resultado, mesmo sendo kits tidos como "limitados" quando comparados aos atuais, bem montados e primorosamente pintados, e expostos nessas bases, ganham vida e nada deixam a dever aos atuais modelos.

 

 

Gostei do Fearless..... a muito tempo cogitei comprá-lo mas desisti.....  no caso, das embarcações de desembarque quais eram do kit e quais você adicionou a ele? Ficou muito bacana a maneira como expos tudo, ganhou vida!!!

Anderson Salafia posted:

muito bom o resultado, mesmo sendo kits tidos como "limitados" quando comparados aos atuais, bem montados e primorosamente pintados, e expostos nessas bases, ganham vida e nada deixam a dever aos atuais modelos.

 

 

Gostei do Fearless..... a muito tempo cogitei comprá-lo mas desisti.....  no caso, das embarcações de desembarque quais eram do kit e quais você adicionou a ele? Ficou muito bacana a maneira como expos tudo, ganhou vida!!!

Obrigado pelos elogios Anderson! Eu também acho que lugar de navio é na água e as bases, além de valorizarem os modelos, facilitam na segurança do transporte...

Na verdade, as embarcações que usei são originais do kit, mas só vêm duas grandes (embora o Fearless levasse quatro) e quatro pequenas. As extras são só o que sobraram do meu primeiro Fearless que montei o na adolescência, assim como um helicóptero a mais, que estavam na minha caixa de sucatas; os tanques, caminhões e jeep são de um kit da Pit Road.

Não desista de ter esse kit, é um clássico!

Abraço! 

warhawk posted:

Como vai Guilherme!

Habilidoso com o sempre hein meu amigo! Belíssimo conjunto você conseguiu montar! O detalhamento de todos ficou muito bom, parabéns!!!

Aguardamos mais belas montagens do "Mestre" como estas!

Abração,

Kenji

Obrigado, amigo Kenji!

Quanto tempo!

Pode tirar fora o "mestre", sou aluno eterno...😊

Obrigado pelo elogio!

Abraço! 

 

Lucianocf posted:

Guilherme,

Uma dica sobre as bases? Ficaram tão boas quanto as feitas pelo Paulo.

 

Obrigado, Luciano.

Minhas bases são sempre feitas com papel alumínio amassado e pintadas com tinta spray azul escuro.

Próximo ao costado pinto um azul mais claro para simular as bolhas submersas e salpico branco por cima para as bolhas da superfície, selando tudo com verniz brilhante no final... Simples assim.

Obrigado novamente! 

Abraço ! 

Guacyr. posted:

Na época, eu já tinha dado baixa, ex oficial fuzileiro, mas ligaram lá em casa para que eu comparecesse a unidade original para conversar, parece que tinha medo que a guerra chegasse em terra firme, se tivesse acontecido o Brasil teria entrado, mas graças adeus acabou rápido!

Sim! Parece que o ponto alto dessa tensão foi quando aquele bombardeiro Vulcan pousou aqui do RJ com problemas de pouco combustível - foi até escoltado por nossos F-5!

Abasteceu e seguiu viagem, mas a FAB exigiu que deixasse aqui suas bombas e mísseis, com o pretexto de não ficar mal com nossos hermanos e manter a neutralidade, mas o fato é que isso foi bem para fazermos um aprendizado por tecnologia reversa... Viu? Ajudou aos três!😆

paulors posted:

Muito bacana! Um belo conjunto!

Esses Airfix, apesar de antigos, montam bem. É uma pena que eles não tenham dado continuidade a essa série 1/600. Os últimos (como o  Belfast) já traziam muitos melhoramentos.

[  ]s

A Airfix melhorou muito mas estes kits mais antigos deles são uma tranqueira dá muito trabalho, 

REZENDE posted:
paulors posted:

Muito bacana! Um belo conjunto!

Esses Airfix, apesar de antigos, montam bem. É uma pena que eles não tenham dado continuidade a essa série 1/600. Os últimos (como o  Belfast) já traziam muitos melhoramentos.

[  ]s

A Airfix melhorou muito mas estes kits mais antigos deles são uma tranqueira dá muito trabalho, 

Sim Rezende, dão um certo trabalho, pois, em alguns momentos, parece que as peças simplesmente não são daquele kit, tamanha a "incompatibilidade" de encaixe, mas essas adaptações na montagem fazem parte da diversão e aumentam a nossa gratificação pessoal ao vermos tudo montadinho no final 

Abraço!

Como disse o Staffa anos atrás, no caso desses Airfix vc abre a caixa, balança a cabeça, fecha a caixa e guarda no fundo do armário, fazendo de conta que não viu.

Diversão pura para quem gosta de desafios. Montei 15 deles em nossos antigos GBs e sobraram dois destroyers alemães classe Narvik (denominação Airfix) que pretendo montar em futuro próximo.

A White Ensign produziu muitos acessórios e PEs para esses navios 1/600. Os acessórios saíram de linha, mas os PEs ainda estão à venda no site deles, agora administrado pela Tom Modelworks. Melhor ainda, a Atlantic, do Peter Hall (cérebro por trás dos PEs da WEM), está lançando novas folhas de PEs para essa turma.

http://atlanticmodels.net/phot...s/1-600%20scale.html

Em favor da Airfix diga-se que ela, pelo menos, manteve uma escala constante (1/600) e não aquela mixórdia da Revell, em "box scales" de todo tipo. E em termos de qualidade a Revell tb tem suas porcarias.

[  ]s

Paulão e amigos,

Bem antes do consórcio Waterline 1/700 Japonês, a Airfix lançou sua Série 1/600, que competia com a linha 1/500 da Frog, a Heller teve seus 1/400 e todas as marcas Americanas geralmente eram box scale, quando muito alguns 1/720.

A partir dos 1/700 tudo mudou, pouca coisa nova foi lançada em outras escalas constantes, os japoneses padronizaram e assassinaram concorrencia.

Não sei se alguém aqui teve o prazer (ou melhor o despraze) de montar algum Frog, aqueles sim eram para ficar no fundao do armário 

Nem sei se ainda existem, quando a Frog fechou parte dos moldes foi para Revell e parte para uma russa chamada Novo ou algo assim...

De qualquer modo, com algum cuidado e carinho, tal como alguns Airfix, dava para montar alguns Frog com bons resultados!

PlastiAbraços

Incluir Resposta

Curtidas (3)
Jet CommandoLuis PachecoWolf
×
×
×
×