Estou pensando montar um blindado com chapas de ps.

Não sei se o projeto vai sair,  somente estou pensando como fazer.

Já tinha solução para fazer a estrutura das chapas. iria cortar em poliestireno. Como é uma forma simples (Little Willie-WWI) acho que conseguiria fazer.

O problema é que eu lembrei que há algum tempo eu fiz uma base para um objeto nesse material (um tronco de pirâmide com 8 cm de lado e 2 cm de altura). Ficou bom porém com o tempo as faces foram empenando e ficou deformado.

É normal esse comportamento do material ou o que eu usei não é poliestireno? Não ficou próximo a fontes de calor.

Minha preocupação é perder um tempo enorme tentando montar a miniatura e depois perder tudo pela deformação das peças.

Alguém pode ajudar com sugestões de qual material empregar e uma dica do que aconteceu?

Abs

Perini

 

 

 

 

Original Post
vonpaulus posted:

Se a chapa for fina, vc tem que colocar uma estrutura interna para suporte.

Você pode fazer a estrutura ou então um preenchimento com espuma (ou os dois) como no caso dessa PCF que estamos "scratcheando" na oficina, olhe que as imagens e o vídeo ficam bem claros.

https://www.facebook.com/gomid...s/10208316662272557/

https://www.facebook.com/photo...mp;theater&ifg=1

https://www.facebook.com/photo...amp;type=1&ifg=1

Valeu pessoal,

achei as duas soluções boas.

O problema da espuma é que elas são expansivas e sem prática no uso não sei se dá para ter um bom controle. Acho que até pode deformar para fora. Uma vez eu usei para selar um ar condicionado e não sabia que era expansiva. Enchi todas as frestas e a lata da caixa entortou.

Os blocos de balsa também são uma boa opção.

Um ou outro,  é certo que,  se o projeto sair,  tenho que usar algo.

Abs

Perini

Perini,

Eu costumo usar placas relativamente grossas, aquelas do tipo "proibido fumar" reforçando internamente com pedaços de sprue lixados para manter os ângulos.

Aberturas  podem ser afinadas por dentro, para chapa parecer mais fina.

Para detalhes uso placas mais finas, de acordo com a necessidade.

A aplicação de cola também deve ser cuidadosa, excessos tendem a deformar as chapas. Se necessário dá para corrigir lixando e/ou usando massa fina, Mr Surfacer ou corretor (branquinho).

Geralmente mantenho interior fechado ou quase, de acordo com a visibilidade pinto de preto para disfarçar.

Dá uma olhada nesta conversão, qualquer dúvida pergunte:

https://webkits.hoop.la/topic/...fz-250-9-tamiya-1-35

Se pretende fazer com interior o conceito é basicamente igual, mas no lugar de sprue, é mais fácil usar perfil de estireno (tipo Evergreen) ou laminados.

Há muito tempo atrás fiz um Marmon Herrington com interior, da última vez que o vi continuava "reto" antes disto converti um antigo Hanomag Tamiya num Ausf D usando folha bem fina, neste caso após alguns anos envergou um pouco.

 Em resumo, é preferível usar placas mais grossas e reforçadas,  do que correr o risco de empenar depois 

PlastiAbraços

Oi Perini,

Fui procurar o MH e salvo por uma pancada na porta traseira e um ou outro descascado, até que ainda está relativamente inteiro, na época não me acertei com os rebites, no mais, para meu gosto, até que não ficou ruim:

IMG_20191029_205359

IMG_20191029_205421

IMG_20191029_205535

IMG_20191029_205612

Montei no 1o GB de Militaria, uns 15 anos atrás.

PlastiAbraços

Attachments

Fotos (4)

Acredito que em condições normais de temperatura e pressão, não haverá deformação, desde que se estruture. Quero dizer que quando, por exemplo, vc faz uma longarina relativamente longa, tenha nervuras estratégicas que impeçam a deformação. Elas devem ficar perpendiculares ao sentido da 'possível' deformação, impedindo-a de ocorrer, além de 'mãos francesas' (o termo é apenas para visualizar o que estou tentando dizer) nos cantos para a preservação dos ângulos importantes.

Pense em uma peça em poliestireno mesmo, com medidas : 1 cm X 10 cm, como uma régua e compare sua resitência à flexão, com uma outra peça com as mesmas medidas, mas um perfil 'T' e faça o mesmo teste. É disso que estou falando.

A aeronáutica é mestre em estruturas que além de resistentes, devam ser leves.

Segue um link que pode dizer muito melhor do que eu, do que estou falando:

https://www.docsity.com/pt/01-...e-aeronaves/4722319/

Vai fundo que dará certo. 

Só não se esqueça de postar aqui e deixar muitos de nós, eu entre eles, com vontade de reproduzir o feito.

Edu

"Petuco,
Show usar espuma como enchimento. Ela não deforma quando seca? Algumas são expansivas."

"O problema da espuma é que elas são expansivas e sem prática no uso não sei se dá para ter um bom controle. Acho que até pode deformar para fora. Uma vez eu usei para selar um ar condicionado e não sabia que era expansiva. Enchi todas as frestas e a lata da caixa entortou."

Fiz questão de postar o vídeo e as fotos para que possam ver como foi feito e o resultado, ou seja, não é uma situação em que eu ACHO, eu fiz sem nenhum problema.

Respondendo:

1. Ao secar não existe deformação, ela expande na aplicação e depois não muda mais, por isso ser usada para preenchimentos.

2. Não é preciso nenhum controle especial, aplica-se em 1/3 do espaço livre.

3. Não vai deformar para fora porque o excesso sai pelo furo, tá bem claro na filmagem e nas fotos, depois de seco (30 minutos) corta o excedente com estilete (é um isopor).

4. Veja bem, não precisa ficar receoso a expansão não é nenhuma explosão louca, e outra coisa que está comentada no vídeo, tinham algumas pequenas frestas nas emendas (que posteriormente foram emassadas), a espuma nem teve força suficiente para sair por elas, quanto mais entortar a estrutura.

Perini,

Procurando no meu computador, encontrei as fotos da montagem do MH, se quiser posso postar para lhe dar mais ideias ou inspiração 

Esta aqui por exemplo, é de agosto de 2005:

MH6

Já faz algum tempo que não faça nada assim, é divertido mas dá um belo trabalho... Além disto parece que basta acabar o projeto, para depois alguém lançar quase a mesma coisa injetada...

PlastiAbraços

Attachments

Fotos (1)

pra complementar a ideia, os vincos na lataria dos carros modernos servem para o mesmo, aumentar a resistência a deformação, a ideia é aumentar a resistência sem aumentar, ou diminuir o peso do veiculo, pois assim da pra eliminar muitas estruturas internas na chapa e reduzir a espessura da mesma.

Pensando nisso não precisa ser nada absurdo, basta na parte interna colocar algumas tiras perpendiculares de estireno (fazendo um T com a chapa) em toda a extensão de onde pode ocorrer a curvatura, assim não tem como deformar.

Incluir Resposta

Curtidas (0)
×
×
×
×