Na minha contÍnua busca de referÊncias para as montagens que faÇo, quase sempre encontro veÍculos militares, muitos fruto de improvisaÇão e urgÊncia.

 

Para contornar o Tratado de Versalhes, a Alemanha produziu o Panzer I Schulfahrzeuge (VeÍculo Escola), chamado de "Landwirtschaftlicher Schlepper" (trator agrÍcola) com os primeiros 150 construÍdos pela Krupp a partir do chassis S da 1ª.Serie, removendo a superestrutura e a torre, cobrindo a lacuna do compartimento do motor, com um painel de chapa de metal e adicionando um corrimão ao redor do casco aberto. O rÓtulo "ohne Aufbau" se traduz em "sem estrutura" e É mais um termo genÉrico que o nome real 'Schulfahrzeuge', mas tudo isso tem apenas interesse acadÊmico.

ScreenShot994ScreenShot992ScreenShot993

As unidades operacionais foram autorizados a converter os tanques Panzer I existentes nas suas oficinas, seguindo o mesmo procedimento de remoÇão das estruturas superiores. Essas conversÕes foram feitas de alguns chassis S da 2ª e da 3ª SÉries e tambÉm alguns Panzer I Ausf.B foram convertidos.

 

Na batalha final por Berlim (16 abril - 2 maio de 1945), os soldados alemães cercados na cidade disparavam tudo o que podiam e colocavam em aÇão veÍculos improvisados para tentar repelir o ExÉrcito Vermelho.

Entre essas armas improvisadas houve um tanque lanÇa-chamas dos mais originais. Os defensores da capital converteram um Fahrschulpanzerwagen, com base em Panzer I Ausf.A

ScreenShot971ScreenShot970

em veÍculo de combate. Para reduzir o consumo de combustÍvel, quase inexistente, esta mÁquina de instruÇão estava equipada com um motor a gasogÊnio colocado na parte traseira. ScreenShot989

Principais CaracterÍsticas

TripulaÇão: 2
DimensÕes: Comprimento:4,02m

          Largura:2,06m

          Altura: 2,61m

Peso em Ordem de Batalha: 5 toneladas (estimativa)
Blindagem: 13mm

Armamento: 1 LanÇa-Chamas Flammenwerfer klein verbessert 40 (ou 41) (atÉ 12 jatos)
Motor: Krupp M305, 4 cilindros, 57Hp, gasolina

Velocidade: Em estrada: 37 km/h

                    Offroad: 12 km/h

Autonomia: 140 km (estrada), 93 km (Offroad)

VeÍculos produzidos: Desconhecido.

Falta informaÇão sobre as caracterÍsticas tÉcnicas. PorÉm, sabe-se que o Flammenwerfer klein tipo verbessert 40 (41) foi instalado protegido por uma blindagem improvisada. O projetor do lanÇa-chamas chamado Strahlrohr, foi colocado em um tubo de grande diâmetro, presumivelmente para melhorar o alcance dos jatos e tambÉm disfarÇar as verdadeiras armas do pequenino Panzer I.

ScreenShot990

A blindagem de 13mm não dava proteÇão ao motorista sob quaisquer ângulos.

Os tripulantes eram extremamente vulnerÁveis a fogo de armas leves ou estilhaÇos, devido à baixa proteÇão oferecida pela blindagem.

ScreenShot972

Velhas fotografias mostram que tanque lanÇa-chamas foi coberto com a pintura dunkelgrau (cinza escuro) pela reciclagem de equipamentos canibalizados e pela exiguidade de tempo não tinam camuflagens.

Kit

A Tristar produz um excelente kit do Panzerkampfwagen I Ausf A ohne Aufbau em escala 1/35, sem flash, com encaixes perfeitos e manual excelente.

trr35025-panzerkampfwagen-i-ausf-a-ohne-aufbau

A partir dele pode ser feito uma conversão do modelo do Panzer I Ausf.A. Holzgas Flammenwerfer. Um pouco de Plasticard, alguma criatividade e pronto...

ScreenShot995ScreenShot996ScreenShot997ScreenShot998ScreenShot999

AtÉ o prÓximo AP&I.

Attachments

Images (16)
Last edited by artemius111
Original Post

Na verdade era até seguro pois o cilindro processava pela queima de madeira ou carvão  gases sujo e filtrados p/ provocar a queima no motor isto tirava 30% da potencia total sem modificação do motor ,eram originais , funcionava como uma caldeira .

Artemius e colegas,

Já havia visto estas fotos, citando a possibilidade de serem veiculos de treinamento, pois ninguém sabia explicar exatamente o que eram, interessante saber que foi usado com lança chamas, mesmo com tantas limitações.

Eu tenho um destes da Tristar, kit fantástico e completíssimo, tem até interior e motor, pena estar descontinuado (Tristar fechou, HB adquiriu os moldes mas não relançou todos), talvez apenas fique um tanto sem graça, montado direto da caixa, pois não foi usado em ação.

Porém considero quase um desperdício fazer uma conversão destas num Tristar, pois o gasogenio e afins vão esconder muito deste belo kit. Talvez seja melhor converter algum Panzer I Ausf A mais "comunzinho", como os MasterBox.

Alías tem uma foto famosa de um Drilling instalado num Panzer I, o veiculo está destruido mas aparentemente não  tem gasogênio. Outra conversão diferente, se bem que obter um Drilling não é muito fácil...

Quanto ao comentado pelo Valls, creio que um tiro na caldeira deste aparato do gasogenio, faria um belo estrago, pois geralmente quando uma caldeira explode, não sobra nada muito inteiro por perto... Se atingir os cilindros dos lança chamas então...

PlastiAbraços

     A caldeira na verdade funciona como um recipiente de armazenamento dos gases , furando ela perde a capacidade de gerar gazes  e só , funciona como aqueles equipamentos de solda a carbureto usados antigamente pelos funileiros , onde colocava-se pedras de carbureto e aguá p/ produzir gases p/ solda .Neste em vez de aguá é fogo mas o mesmo processo . A muitos anos atrás estavam testando esses equipamentos em uma C10 GM na crise do petróleo , tem até reportagem na Quatro Rodas. Esses equipamentos eram usados em todos  os tipos de veículos alemães , tanques , meia lagartas 251 C/D Staff car e até em fuscas na guerra sem medo de explosão mais seguro que gasolina.

Parabéns pelo trabalho Artemius.

Só um detalhe quanto ao uso do tanque. 

Eu recentemente comprei esse livro: 

Panzers in Berlin 1945

Livro espetacular.

Ele tem um capítulo sobre este veículo:

No texto ele explica que eram apenas veículos para treinamento das tropas Volkssturm de como atacar um blindado. No caso usava um canhão falso, e não um lança-chamas.

A foto abaixo está no livro, você pode observar três  desses veículos.

Segue a legenda da foto conforme escrito no livro:

"Beware the hunters. A trio of 'holzergaser" powered training tanks based upon Pz.Kpfw.I Ausf A chassis, with a vague resemblance to generic Panzerjäger. The small aperture in the front of the superstructure seems to have been thr driver's sole portal tho the outside world. During the exercise, in street already destroyed by allied air raids, Volkssturm units practiced firing dummy panzerfausts from balconies and cellars and learned how to use hand grenades against enemy tanks."

Cuidado com os caçadores. Um trio de tanques de treinamento movidos a 'holzergaser', baseados no chassi Pz.Kpfw.I Ausf A, com uma vaga semelhança com o Panzerjäger genérico. A pequena abertura na frente da superestrutura parece ter sido o único portal do motorista para o mundo exterior. Durante o exercício, nas ruas já destruídas por ataques aéreos aliados, as unidades da Volkssturm praticavam disparos de panzerfausts de varandas e adegas e aprenderam a usar granadas de mão contra tanques inimigos.

Existiu também um veículo desses que imitava um sherman.

Last edited by Luciano

se  não me  engano tenho   nas  kitcumbas  um  kit  de resina holzgaz  em  135   para colocar  num  kubel ou  fusca...

foram .usados  muito  em especial para  condutas de   segunda  linha  entregas  correios,  ambulancias ... varios outros  veiculos   fords, até  tratores,  qualquer  outro  rodante  da decada de  30 - 40  tambem  tiveram  adaptações  de gasogenio...

muitos  carros ficavam  sem o porta mala, com  o  enorme conjunto saindo pra  fora  do porta-malas  ( a enorme  maioria  dos porta  malas era  na  traseira...muitas  vezes  ate  com um rack ou estrutura  no teto  como se  fosse  rack de  malas  em  cima  do teto pra  transportar a  lenha) ...no brasil tambem  existiram  na  guerra  varios  exemplares  tocados  a  gasogencio devido ao racionamento de  gasolina)..

.ja  teve ha  algum  tmepo  um artigo  aqui  na  webkits  sobre  veiculos  a gasogenio  tanto  caminhoes  - carros.. 

acompanhando  plastiresiabços  paulo r  morgado sp - sp 

Um dos grandes baratos desse hobby é as aulas que vêm embutidas, às vezes até não intencionais mas muito instrutivas.

Vale a pena! 

Edu

@edufari posted:

Um dos grandes baratos desse hobby é as aulas que vêm embutidas, às vezes até não intencionais mas muito instrutivas.

Vale a pena! 

Edu

Disse tudo!

Incluir Resposta

×
×
×
×
Link copied to your clipboard.
×