Voces sabiam que não foi sÓ a VARIG que embarcou no programa do trireator MD-11 da McDonnell Douglas (a companhia de aviaÇão brasileira, então uma grande operadora dos DC-10, foi uma das primeiras empresas a escolher o MD-11 para equipar sua frota no inÍcio da dÉcada de 1990).

 

Outra companhia nacional tambÉm criou vÍnculos com o MD-11: a Embraer foi escolhida pela McDonnell Douglas para fabricar os flaps do novo aparelho.

 

O acordo foi assinado em junho de 1987 e previa a fabricaÇão de 200 conjuntos de flaps de fibra de carbono, medindo 8,90 metros de comprimento cada.

 

O valor informado do negÓcio foi avaliado em 120 milhÕes de dÓlares e os primeiros conjuntos foram entregues em 1989.

 

http://www.aereo.jor.br/2009/1...aer-3/#ixzz17TJKFCv3

Original Post

Recebi outro dia um vídeo do YouTube sobre os voos de certificação do MD11, FANTÁSTICO!!!!

 

Tem um momento que mostra os voos de teste de stall do avião.

 

Eu nunca tinha visto uma filmagem do stall por fora do avião e próximo, dá pra perceber o avião tremendo todo no buffet pré-stall,  maneiro demais.

 

Vou tentar descolar o link e colocar aqui p´ra rapaziada.

Incluir Resposta

Curtidas (0)
×
×
×
×