Skip to main content

É, houve um caso grave de saúde em família e somente agora posso voltar à bancada.

Mas hoje ainda devo postar a sequência. Quanto ao vídeo que vc falou, manda o link que gostaria de ver, quem sabe me inspira um pouco.

Grato pela força.

Arthemius, visita sempre bem vinda também. Quanto à maratona, pretendo correr várias ainda, na próxima encarnação.

Edu

Last edited by edufari

E dando continuidade à montagem, vamos mais para trás.

Sistema de captação de ar. São dois, um de cada lado, mas como o bicho é cortado, ainda não sei bem como vou utilizar.

Ainda não estava colado.

Uma ideia de como vai ficar.

Deste lado de cá estou pensando em deixar as partes removíveis, apesar de sugestões em contrário, que estou levando em consideração.

Vai ficar legal se der para retirar as partes para ver mais por dentro.

Mas não tenho certeza ainda se vai dar certo, porque os encaixes são de justos para impossíveis e retirar e colocar de volta, pode ser de difícil a milagre

É dessa divisão longitudinal com mais os componentes que vão ao lado de que estou falando.

Estou achando que vai ser muita coisa para retirar e colocar, se bem que se acontecer isso, será uma vez na vida e outra na outra vida.

É capaz que eu opte pelo mais simples, dessa vez.

Edu

@Zé Victor posted:

Não é do naipe desse teu, mas é bem embassadinho. Prá mim pelo menos.

Tá brincando? é exatamente do mesmo nível, as únicas diferenças são que este tem as transparências e que este do vídeo foi bem montado.

A dificuldade maior desta versão que estou montando é o corte. Neste aspecto a versão com transparência é melhor, tem mais apoio e encaixe para as peças do lado cortado.

E atendendo o amigo. São dois vídeos.

https://www.youtube.com/watch?...DqmUm7_6E&t=123s

https://www.youtube.com/watch?...XMHSXAEQ&t=1134s

Teria sido muito útil ter visto estes vídeos antes de começar.

Mas tudo bem, vou ver se compro este kit do vídeo e monto usando os vídeos com guia (quero dizer, primeiro deixe-me ver se realmente ganhei na mega)

[]s.

Valeu meu amigo.

Edu

Last edited by edufari

"as únicas diferenças são que este tem as transparências"

É exatamente por isso que disse que são de "naipes" diferentes e mesmo que muito "en passant" deu uma mexida nas lombrigas.

Mas como mencionei, "passou, passou, passou"...

O teu está ficando muito legal. Creia.

Continuamos por aqui acompanhando.

[]s.

Last edited by Zé Victor

Edu, boa noite.

Na postagem do dia 07/06, a "lanterna" que montastes, pintastes e colocastes na parede de um dos paióis e próxima ao eixo cardã que vem da caixa de marchas do Panther, é, na verdade, uma carga de demolição, com 3,5 kg de explosivo,  usada para que a tripulação explodisse o veículo na situação de imobilização por dano não catastrófico. Para potencializar, era colocada bem centralizada e bem ao lado dos paióis laterais. Tinha um tempo muito curto de explosão, permitindo que o tripulante que a acionasse, mal conseguisse um abrigo nas proximidades.

A montagem continua muito bem e vou acompanhando.

Abs e uma bom semana para nós e nossas famílias.

Nada como estar no meio de quem conhece. Como é dito: se você for o mais inteligente da sala, está na hora de mudar de sala.

Artemius, faz todo sentido a explicação. Vou acrescentar um cuidado a mais à tripulação que ainda pretendo fazer: tá vendo a lanterna? Não a acenda nunca.

Grato pela visita e adições sempre bem vindas.

Edu

Pois é, perambulando por Ali encontrei esse carinha aí embaixo por um bom preço e acabei comprando.

Chegou até rápido pelas minhas expectativas. Masss... quando abro para examinar a esteira é link by length, o que talvez seja a única coisa que eu odeio em todo o plastimodelismo.

Conclusão: vou atrás de uma de metal que pelo que andei espionando, sai mais caro que o valor que paguei no kit porém vale muito menos do que a minha sanidade.

Edu

Não é que eu não queira, mas juntaram-se duas coisas: saco cheio e uma diversidade de outras atividades que surgem mesmo sem serem convidadas e aí a montagem diminui o ritmo.

Aí vi por aqui um colega espichando o tubo do cotonete para confeccionar um tubinho fininho e fazer terminal de mangueira. Achei genial. Então vamos fazer.

Mas quem disse que o fdp fica no formato de tubo, estica, afina mas achata. Vai assim mesmo, até porque só eu vou saber que ele está lá, fica em um lugar sem absolutamente nenhum acesso.

A turma dos mínimo detalhes secando e aguardando o despacho para seus lugars finais. É muito serviço e pouco resultado. Mas pensa, só nessas bobagens e em mais algumas outras mínimas, foram-se duas horas.

Tá, vamos combinar que o resultado compensa. Fosse eu mágico como o Zé, faria como em dois vídeos que ele deu como referência, que se alguém tiver interesse em assistir, os links estão acima. é a montagem de um blindado muitíssimo semelhante a este, só que muito bem montado. Weathering de tudo isso. Muito bom.

Mas de qualquer forma, faz-se o que pode-se.

No final, acho que vai ficar bem legal.

Edu

Last edited by edufari
@edufari posted:

a esteira é link by length, o que talvez seja a única coisa que eu odeio em todo o plastimodelismo.



Imagino que seja aquelas que tem que colar dentinho por dentinho da esteira. Se for...

Estou mexendo em um Tiger da Takom e são assim. Os malditos dentes tem somente 2 micros pontos de ancoragem que se você olhar torto elas soltam.

Fora isso parabéns pelo belo kit. Boa sorte!

[]s.

@Zé Victor posted:

Imagino que seja aquelas que tem que colar dentinho por dentinho da esteira. Se for...

Pior que não, essa que vc fala é a link by link, aí sim cada sapata é montada separadamente e às vezes tem até mais de uma peça por sapata. É ossso! Mas, como tem o ditado que pra cada louco uma mania, dessas eu gosto, até porque prontas, elas normalmente são workable (quando são de boa qualidade e bem montadas)

Deste panther que estou montando as esteiras são desse tipo, link by link com 87 peças de cada lado.

As que eu odeio são aquelas que têm, por exemplo, todas as sapatas da parte de baixo coladas em uma única peça, muitas vezes a parte de cima, também e as sapatas que fazem as curvas, na toda motriz e na roda de guia, são todas separadas.

É evidente que para montar, um modelista normal, prefere estas, mas para um como eu que tem duas mãos esquerdas (e é destro) é um verdadeiro inferno. Essas deviam trazer juntamente na caixa, um vidrinho de rivotril.

Edu



[]s.

Last edited by edufari
@edufari posted:

Pois é, perambulando por Ali encontrei esse carinha aí embaixo por um bom preço e acabei comprando.

Chegou até rápido pelas minhas expectativas. Masss... quando abro para examinar a esteira é link by length, o que talvez seja a única coisa que eu odeio em todo o plastimodelismo.

Conclusão: vou atrás de uma de metal que pelo que andei espionando, sai mais caro que o valor que paguei no kit porém vale muito menos do que a minha sanidade.

Edu

Edu, boa noite.

Comprei também esse kit e, pelo manual, a montagem das lagartas parece ser mais rápida e menos trabalhosa do que as que acompanham outros kits.

Acompanhando a montagem e também com muita dificuldade de terminar o que tenho na bancada. Fila aumentando e pressionando...

Abs.

Eu não me lembro que c@g@da eu fiz que cortei um pedaço desse fechamento traseiro e agora preciso corrigir. Ainda bem que foi pequeno.

´Bom, fora isso, vamos agora para o step 3125 com a montagem dos acessórios que vão justamente nessa peça de fechamento.

E tome PE.

Nessa tampa tem mais dois PE's, mas como a mão do ogro ainda vai mexer um bocado com essa peça, achei conveniente deixa-las para o final.

E, adivinha, mais 2 PE's em cada um desses porta badulaques.

Bom, pelo menos essa parte inferior com interior, está chegando ao final.

Pensa que o céu tá perto?

Em toda a torre, montei subconjuntos que precisam ser pintados e juntados, aí sim ficarão faltando só as 522 peças das esteiras (174 sapatas e 348 pinos de ligação), que espero, não sejam um pesadelo; se forem terei que apelar para o santo Ali.

Ah! Ainda não acabou, tem o macaco. Não devia ser nada fácil usar uma geringonça dessas no meio da lama para levantar 45 ton e trocar o pneu.

Edu

@edufari posted:

tem mais dois PE's, mas como a mão do ogro ainda vai mexer um bocado com essa peça, achei conveniente deixa-las para o final.

Sábia decisão. Cheguei a esse ensinamento do pior jeito.Peças com pouca área de ancoragem estão na mesma página.





tem o macaco. Não devia ser nada fácil usar uma geringonça dessas no meio da lama para levantar 45 ton

Taí uma coisinha que também me intriga. Se fosse comigo acho que tacava fogo em tudo e vazava.

[]s.

Eu trabalhei em obra de terraplanagem e participei de manutenção desse tipo, trator abre a esteira no meio da lama. Pior, à noite.
Junta equipe de meânicos, traz caminhões o mais perto possível para iluminar o local porque a máquina não podia ficar ali até o dia clarear. Servicinho tido como um dos ícones do sofrimento nos meios da manutenção.
Ainda bem que isso doi ontem e não é hoje.

Edu

Seguindo com a montagem, step 3126 a montagem do fechamento traseiro.

Depois de todos os elementos que compõem esse fechamento serem montados, toca soldá-los em seus respectivos locais finais.

Esse PE tem nele, não está dando para ver, uma transparência minúscula que tive que manusear prendendo a respiração com medo de asprira-la, tão pequena que é.

Com os porta trecos no lugar

Trava no suporte do macaco e a trava da trava em PE.
Agora é pintar o lado que fica para o interior e terminar a montagem dos componentes que vão neste espaço, incluindo é claro, o motor.

Decidi facilitar a minha vida. Não vou deixar nada de coloar e retirar, que esse kit não foi feito para isso. Alguns itens do lado esquerdo, aquele lado que é cortado, não serão montados para permitir a vizualização do que tem por trás, que de outra forma ficariam escondidos.

Edu

Last edited by edufari

Step 3127. Vamos dar continuidade porque ainda falta muito e começa a me dar comichão ver outros kits que quero montar ali aguardando e esse bendito não desocupa a moita.

Realmente tem muitos detalhes, alguns estão faltando nesta foto porque foram retirados para facilitar a montagem.

Vista aérea da seção traseira e que já já receberá o fechamento externo.

O amortecedor traseiro não resistiu à pressão da mão do ogro e se mandou. Mas prometeu que vai voltar.

Descobri que as figuras que eu comprei absolutamente não cabem nas respectivas posições, então ficarão aguardando para reencarnarem em um próximo projeto.

É bacana ver como os detalhes se encontram quando os subconjuntos vão assumindo seus postos definitivos. Detalhes na pintura que precisam ser feitos assim que acabar de acabar essa fase.

Amortecedor de palavra, voltou mesmo. Agora pra ficar. Mais alguns detalhes que a mão bendita do ogro fez o favor de tirar, foram recolocados e aparecerão em um capítulo próximo.

Uma das barras de torção se soltou e este eixo (bem como outros que provavelmente estarão assim, serão fixados. (Existe uma minúscula trava que pode ser deixada que impede o movimento dos eixos e evita este tipo de problema, mas como eu gosto do sofrimento, removi todas elas)

Edu

@Zé Victor posted:

Sério mesmo. Esse motor ficar "escondido" é praticamente um atentado.

[]s.

Então também achei. Para redução de perdas, deixei todos os componentes do lado esquerdo, o que está em corte, sem montar. Assim mesmo tem coisa que só quem vir agora saberá que existe.



Edu

Rapazzzz...!  este motor ficou lindo demais, eu jogava o kit fora e expunha só o motor...  mas falando sério, tem que deixar a mostra...

Quanto as figuras, eu não testei as minhas e fiquei surpreso com o seu teste, não cabem mesmo?  Talvez fazendo umas adaptações e cortes caibam...?!?

@Wolf posted:

Rapazzzz...!  este motor ficou lindo demais, eu jogava o kit fora e expunha só o motor...  mas falando sério, tem que deixar a mostra...

Quanto as figuras, eu não testei as minhas e fiquei surpreso com o seu teste, não cabem mesmo?  Talvez fazendo umas adaptações e cortes caibam...?!?

Wolf grato pela visita e acréscimos; vou considerar o que vc falou do motor. Realmente ele é bem detalhado e bem projetado.

Quanto às figuras, é preciso reposicionar as partes inferiores das pernas, para daí ver se há mais alguma coisa a fazer, porque o elemento não chega nem perto de se sentar. Além do que ser em resina, tem seu paraíso e seu próprio inferno. Fui utilizar o alicate cortador de sprue para retirar um excesso e arrastou parte do pé do peão. Fui colar o pedaço que quebrou, a ciano não quis colar nem o diabo segurando por meia hora as partes, então tudo isso já me irritou o suficiente.

Conclusão, vou começar a nova etapa do dito, que é os complementos de comandos finais, que por sinal também são cuidadosamente detalhados, esteiras, que estou na expectativa e depois a torre, pintar e montar.

Edu

Last edited by edufari

Falando em comando final, spoiler de que a saga foi boa, com direito a revisão no filme original do Dr. Frankenstein.

Vamos combinar que é detalhado demais para algo que não vai aparecer. Então se vc gostou, grava na memória porque só estará visível lá mesmo.

Quando se vê a cara e o coração.

É agora que a saga começa. Olha bem essa figura aí de baixo e mira no componente P2. Eu ainda não entendi o que aconteceu, ou eu usei errado em algum lugar no passado, ou tem menos desses no sprue do que deveria, o que aconteceu foi que na hora de montar o bendito, só tinha dois na grade e lá já não estavam mais.

É aqueles tubos de borracha para dar mobilidade ao mesmo tempo em que segura o eixo no lugar. Então, para isso a peça tem diâmetro externo e interno muito bem definido, porque se não ela dança ou não entra na peça onde ela é encaixada ou o eixo não entra ou não prende no furo central.

Olhei de novo a grade e tem mais 8 que tem o diâmetro externo quase igual, mas o interno é muito grande e o eixo não vai segurar.

Fuçando nas kitcumbas achei um pedaço de grade com buchas que na verdade têm o furo correto, mas o diâmetro externo e o comprimento não, são estreitas e curtas. Aí entra o filme citado, colei duas para aumentar o comprimento.

A bucha alternativa do próprio kit que tem o diâmetro externo que serve e furo grande, cortei ela no meio e juntei essa gambiarra na peça cortada. O conjunto para não fica com pouca ancoragem na peça plástica, foi colado.

Nessa foto dá para perceber, com um pouco de boa vontade, que o pedaço substituído tem o furo maior que a bucha que já foi colada na peça.

Conjunto final montado com o eixo preso, mas com movimento.

Agora, as duas peças de borracha que usei que são do kits talvez sejam utilizadas em outra parte, certo?

Bem, só por via das dúvidas, guardei os pedaços que saíram e certamente deverão, com um pouco de boa vontade, substituir a peça inteira.

Acredito sim que colegas mais experientes deverão pensar em soluções melhores que a minha, mas no momento da montagem, essa acabou atendendo.

São coisas que quando alguém vir o kit montado, não imaginará o que tem de gambiarra no meio.

Edu

Sim, cada modelista tem ou teria uma solução semelhante ou não. No caso das figuras em resina eu uso além do cianocrilato a cola bicomponente epóxi, mas tem que segurar as partes por 20 minutos até secar. A epóxi fixa e tem um grau de flexibilidade. A resina das figuras é muito dura e completamente sem flexibilidade então qualquer coisa ela quebra (o mesmo caso do aço utilizado nos tanques tchecos capturados pelos alemães, atingido se estilhaçava). Eu usaria o minidrill com roda de serra ou carburundum para cortar...

Os detalhes do kit são muito legais... Agora diga se não é um desafio a sua habilidade e inteligência ??

Last edited by Wolf

Os detalhes do kit são muito legais... Agora diga se não é um desafio a sua habilidade e inteligência ??

Sim e digo mais, paciência e perseverança. Ah! e resistência pra não dar uma marretada que tem hora que dá vontade.

Edu

@artemius111 posted:

Edu, acompanhando a excelente montagem.

Parabéns.

Meu caro, grato pela visita e pelo incentivo. Quanto ao excelente, sugiro que vc assista aos vídeos dos links postados pelo Zé, algumas mensagens acima que aí sim, são uma referência. Muto bons.

Se bem que alguns de nós, me incluo nessa, temos o hábito de exigir demais de nossas habilidades e normalmente não as valorizamos.

Olhando para trás, vejo que monto muito melhor do que alguns anos atrás e isso já deveria ser suficiente. Enfim, devagar também é pressa.

Edu

Last edited by edufari
@edufari posted:

Meu caro, grato pela visita e pelo incentivo. Quanto ao excelente, sugiro que vc assista aos vídeos dos links postados pelo Zé, algumas mensagens acima que aí sim, são uma referência. Muto bons.

Se bem que alguns de nós, me incluo nessa, temos o hábito de exigir demais de nossas habilidades e normalmente não as valorizamos.

Olhando para trás, vejo que monto muito melhor do que alguns anos atrás e isso já deveria ser suficiente. Enfim, devagar também é pressa.

Edu

Edu, na medida que avançamos e crescemos na vida, as nossas experiências vão dando mais qualificação às nossas habilidades e, em plastimodelismo, isso significa que vamos ganhando montagens mais complexas e completas. Claro que também a velocidade de montagem começa a acelerar de forma dramática.

Antes de se fazer loas aos vídeos que vemos na internet constantemente nos mostrando como o companheiro é excelente, devemos nos lembrar que eles tem acessso muito maior e a preço quase inexistente a inúmeros componentes e acessórios aos quais apenas podemos suspirar de desejo. Também dispôem de edição e trabalho digital nas suas postagens, criando com Photoshop e outros programas gráficos, modelos quase perfeitos. Quase, por que, se fizermos uma verificação cuidadosa, até podemos enxergar falhas. O apoio dos rodados no solo é uma dessas falhas mais comuns.

Como descobristes, é olhando para o passado e comparando-o ao presente que verás como fostes ganhando densidade e habilidade como plastimodelista. Como eu digo: monte, monte, até que colar peças e pintá-las torne-se um hábito, uma rotina tão entranhada em ti como se fosse uma segunda natureza, uma segunda pele.

Um boa noite e um bom fim de semana.

Add Reaction