Essa foto É interessante pela penetraÇão na parte mais baixa, e não a que o soldado estÁ apontando.

Notem que o que quer que tenha atingido esse Sherman, acertou o rolete, cortou-o como se fosse manteiga, e ainda conseguiu penetrar os 38mm de aÇo da lateral. 

 

 

Original Post

Vocês já devem ter visto este vídeo, mas ele ilustra bem as coisas que o Belton Cooper conta em "Death Traps"... Bem feio... 

 

"French tank crew removing body of dead soldiers from tank and laying him on blanket"

Originally Posted by JeanFabricio:

Curioso que as blindagens laterais não fossem de 50 também...

Jean, todo tanque tem essas mesmas características. O mantelete do canhão e o "nariz" frontal são os mais grossos. Conforme se move para os lados e traseira, a blindagem vai afinando. O topo, tanto da torre quanto do casco são os mais finos. Por isso - como mostrado num tópico há algum tempo - alguns dos modernos mísseis antitanque são feitos para explodir acima do veículo, penetrando a blindagem menos espessa nessas áreas com os estilhaços ou componentes existentes dentro da ogiva.

 

Quem assistiu "Fury" (sem entrar na discussão sobre o combate com o Tiger, please!!! Não desvirtuemos o tópico) e já leu sobre corpo a corpo entre tanques sabe que a melhor chance que um Sherman tinha contra um Panther, Tiger I ou Tiger II/King Tiger era alveja-lo pelos lados e traseira, penetrando compartimentos como do motor ou suspensão ou munição, independente dos danos físicos à tripulação.

 

Minha opinião confere com a do Bradley, um PAK 75 a princípio, ou então a mira do tanque oponente alemão foi muito baixa ou a distância tão grande que não pegou na chão por pouco (pra azar do Sherman e tripulantes, pois foram dois acertos, sendo que o superior penetrou entre a posição do motorista e do municiador).

Pessoal, eu vi três - 3 - acertos, não um nem dois mas três acertos, confere.

E os oficiais que estão ao lado, um veste o uniforme de submarinistas, e o outro tb me parece que usa o mesmo tipo de uniforme além de estar com o rosto sujo de fuligem, tipico de tanquistas.

 

Segue o link onde está esta foto e muitas outras, para quem gosta de Tiger 

http://histomil.com/viewtopic....t=16088&start=20

Abs.

De Shermans atingidos, o mais impressionante que conheço é esse:

 

 

Supõe-se que ele foi atingido por um projétil de artilharia, que penetrou na blindagem mais fina de cima, e detonou dentro do tanque, talvez detonando a munição dele, gerando uma onda de pressão tão grande que abriu-o como se fosse uma banana descascada.

Se havia algum pobre coitado aí dentro, não deve ter tido tempo de sentir nada, antes de ser obliterado.

 

Originally Posted by Fravin:
Originally Posted by Andre Mattos:
Não seja por isso. Tanques descascados tinha de vários tipos:
O Pz.IV
 
 

Caramba, que foto esquisita. Como é que essa torre não voou longe?

É que pra sair tinha que estar exatamente para um dos lados, que é onde Tamiya, Italeri e outros colocam o encaixe da torre com o tanque 

Originally Posted by Rogerio77:
Originally Posted by Fravin:
Originally Posted by Andre Mattos:
Não seja por isso. Tanques descascados tinha de vários tipos:
O Pz.IV
 
 

Caramba, que foto esquisita. Como é que essa torre não voou longe?

É que pra sair tinha que estar exatamente para um dos lados, que é onde Tamiya, Italeri e outros colocam o encaixe da torre com o tanque 

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

 

BOA RESPOSTA!!!    

O detalhe no Pz IV, diferente dos Tigres I e II e dos Panthers, é que o chassi dele era composto por "caixas sobrepostas", assim como o Pz III. Aparafusadas ou soldadas.

Nos Tigres e Panthers as placas eram "interlocked" e assim mais difícil do chassi se abrir dessa forma.

 

Valls 

Incluir Resposta

Curtidas (1)
Staffa
×
×
×
×