Pra que servem efetivamente as aberturas na boca do cano de um tanque?

Pessoal, estou já acostumado a montar militaria e já cansei de fazer tanques que tem a abertura do lado da saida do cano, acho que para saída de gases. Assisti anteontem ao filme Tigre Branco, de 2.017, na Cultura, e estava observando o Tiger atirando, a saida dos gases e parece que abafa o som do tiro, enquanto que um T-34/85 fazia um som muito maior.

Pergunto a quem sabe realmente, já que eu só monto, mas não entendo nada disso. Qual a finalidade de se ter essas aberturas? É apenas para diminuição do som ou tem alguma outra função específica? Por que apenas alguns modelos tem essa abertura e não se tornou ítem obrigatório em todos os modelos? Tem algo a ver com o calibre ou tipo de munição também?

Agradeço.

Abraços.

Original Post
oswaldo antonelli posted:

Pessoal, estou já acostumado a montar militaria e já cansei de fazer tanques que tem a abertura do lado da saida do cano, acho que para saída de gases. 

 

É o chamado freio de boca, ou muzzle brake. Os gases do disparo são direcionados de forma a reduzir o recuo do canhão diminuindo o espaço necessário para isso dentro da torre. Esse mesmo princípio pode ser visto em armas de mão, como fuzis etc. Também servem como quebra chamas, para reduzir o clarão produzido pelo disparo e não "entregar" a posição do atirador.

Veja este link

oswaldo antonelli posted:

Por que também temos canhões com cano curto e outros com o cano muito comprido? Qual a funcionalidade disso?

Tubos mais longos permitem acelerações mais duradouras para a munição, consequentemente, um tiro mais veloz. O lado ruim é que tornavam o blindado menos manobrável, especialmente em perímetros urbanos, onde o tubo longo esbarrava em construções etc

Boa noite.

Modernamente, os veículos de combate que portam canhões não precisam ter freio de boca em virtude do tipo de munição que disparam.

O freio de boca em um veículo de combate portanto canhão e torre da Segunda Guerra tem como objetivos:

- ajudar a diminuir o recuo da arma dentro do compartimento de combate. Com isso, não havia a necessidade de um espaço muito amplo para conter uma arma de grande calibre, como um 88mm;

- preservar o sistema de amortecimento interno da arma, localizada dentro do compartimento de combate e que também fazia parte do trabalho de compensação de recuo da arma. Eram os cilindros de recuo localizados ao longo do cano, à frente da culatra, juntamente com as hastes de recuperação;

- preservar o anel de rotação da torre. Se o recuo não fosse amortecido em parte pelo freio de boca, rapidamente, haveria danos ao anel de rotação e a torre fatalmente emperraria em dado momento;

- ajudar a preservar a suspensão do veículo do recuo da arma e das vibrações resultantes de uma arma desequilibrada e instável.

- melhorar a estabilidade de arma, diminuindo a vibração do conjunto, resultante dos disparos, possibilitando com isso uma melhor taxa de disparos por minuto e um menor desgaste interno do cano e dos seus elementos operacionais.

Os veículos sem torre não teriam necessidade desse dispositivo por estar a arma fixada a superestrutura do veículo que, pela espessura da blindagem e peso total, faria o papel do freio e atuaria na neutralização do recuo, juntamente com o sistema de recuo interno.

Essa é uma área muito interessante e explica muita coisa sobre veículos de combate com canhões em torre ou não.

Abs.

Valls posted:

o curioso é que todos os canhões dos MBTs modernos não têm freio de boca, tendo maiores calibres e sendo mais compactos e menores. 

não devem ter todos esses "problemas" . 

Valls

O realmente curioso é vê-lo não saber ler adequadamente as duas primeiras linhas na minha postagem acima ou estar tão carregado de raiva e agressividade que não respeita mais um companheiro de Fórum.

Para ajudá-lo:

 

Modernamente, os veículos de combate que portam canhões não precisam ter freio de boca em virtude do tipo de munição que disparam.

 

Bem claro.

Tudo o que coloquei na minha postagem vem de obras militares sérias e sempre com o objetivo de colaborar com o Fórum.

Lamentável a sua postagem.

 

 

artemius111 posted:
Valls posted:

o curioso é que todos os canhões dos MBTs modernos não têm freio de boca, tendo maiores calibres e sendo mais compactos e menores. 

não devem ter todos esses "problemas" . 

Valls

O realmente curioso é vê-lo não saber ler adequadamente as duas primeiras linhas na minha postagem acima ou estar tão carregado de raiva e agressividade que não respeita mais um companheiro de Fórum.

Para ajudá-lo:

 

Modernamente, os veículos de combate que portam canhões não precisam ter freio de boca em virtude do tipo de munição que disparam.

 

Bem claro.

Tudo o que coloquei na minha postagem vem de obras militares sérias e sempre com o objetivo de colaborar com o Fórum.

Lamentável a sua postagem.

 

 

não vou entrar na sua divagação grosseira e mal-educada, alias, costumeira neste fórum.

seu conhecimento de prateleira é por demais extenso.......  

Valls

"FREIO DE BOCA

Following This Mensagem Privada

ARTEMIUS111MARECHAL V

1 DIA ATRÁS

Sr. Bretas, por favor, se não tiveres nada de sério a acrescentar nas minhas postagens sobre Militaria, não o faça.

Sei muito mais do que tu sobre Militaria e não gostaria de diminuí-lo ante o Fórum, em respeito ao seu conhecimento sobre Me-109.

Se, ao menos, tivesse lido a minha postagem, não teria sido leviano.

Não quero a tua resposta."

Artemius,

Está falando sobre isso: "Pra sair a bala!   Sabe tudo!!! " O "Sabe tudo" sou eu que não entendo nada de militaria. Li a pergunta do Oswaldo e quis fazer uma brincadeira com ele. Eu respondi a pergunta do Oswaldo!  Não foi de forma alguma para você e sim para o Oswaldo, um cara que sempre brinquei. Como eu gosto de 109, ele o chama de "Saracura".

É uma pena o que tenha acontecido aqui. Nem te conheço!

Você não iria me diminuir de forma alguma, pois não me sentiria pequeno por uma brincadeira que não foi com você.  Seu conhecimento deve ser muito grande mesmo. Meu conhecimento sobre militaria é zero e sobre 109 é quase nada. Esse avião é um mundo de novidades.  

Como você não queria minha resposta pelo MP, resolvi dar a resposta por aqui mesmo sobre esse mal-entendido. 

Seja feliz e amoleça seu coraçãozinho. 

Brettas posted:

Artemius,

Está falando sobre isso: "Pra sair a bala!   Sabe tudo!!! " O "Sabe tudo" sou eu que não entendo nada de militaria. Li a pergunta do Oswaldo e quis fazer uma brincadeira com ele. Eu respondi a pergunta do Oswaldo! Não foi de forma alguma para você e sim para o Oswaldo, um cara que sempre brinquei. Como eu gosto de 109, ele o chama de "Saracura".

É uma pena o que tenha acontecido aqui. Nem te conheço!

Você não iria me diminuir de forma alguma, pois não me sentiria pequeno por uma brincadeira que não foi com você.  Seu conhecimento deve ser muito grande mesmo. Meu conhecimento sobre militaria é zero e sobre 109 é quase nada. Esse avião é um mundo de novidades.  

Como você não queria minha resposta pelo MP, resolvi dar a resposta por aqui mesmo sobre esse mal-entendido. 

Seja feliz e amoleça seu coraçãozinho. 

O Brettas dizendo que não sabe nada sobre Saracuras?????? O mundo está no fim, salvem-se todos!!!!! KKKKKKKKKKKKK

Nem o titio Willy Messerschimitt sabe tanto quanto ele, nem imagina o tanto de esquemas e cores e padrões e detalhes e pernas tortas e parafusos e linhas, enfim, o mestre saracureiro mora no Brasil! 

E já que estamos falando de saracuras, embora aqui seja outra área, você já viu isso, rei das saracuras?

Esse eu achei bonito. Foi operacional? E a camo das asas, será que teria?

Abraços.

oswaldo antonelli posted:
Brettas posted:

Artemius,

Está falando sobre isso: "Pra sair a bala!   Sabe tudo!!! " O "Sabe tudo" sou eu que não entendo nada de militaria. Li a pergunta do Oswaldo e quis fazer uma brincadeira com ele. Eu respondi a pergunta do Oswaldo! Não foi de forma alguma para você e sim para o Oswaldo, um cara que sempre brinquei. Como eu gosto de 109, ele o chama de "Saracura".

É uma pena o que tenha acontecido aqui. Nem te conheço!

Você não iria me diminuir de forma alguma, pois não me sentiria pequeno por uma brincadeira que não foi com você.  Seu conhecimento deve ser muito grande mesmo. Meu conhecimento sobre militaria é zero e sobre 109 é quase nada. Esse avião é um mundo de novidades.  

Como você não queria minha resposta pelo MP, resolvi dar a resposta por aqui mesmo sobre esse mal-entendido. 

Seja feliz e amoleça seu coraçãozinho. 

O Brettas dizendo que não sabe nada sobre Saracuras?????? O mundo está no fim, salvem-se todos!!!!! KKKKKKKKKKKKK

Nem o titio Willy Messerschimitt sabe tanto quanto ele, nem imagina o tanto de esquemas e cores e padrões e detalhes e pernas tortas e parafusos e linhas, enfim, o mestre saracureiro mora no Brasil! 

E já que estamos falando de saracuras, embora aqui seja outra área, você já viu isso, rei das saracuras?

Esse eu achei bonito. Foi operacional? E a camo das asas, será que teria?

Abraços.

este é o T não é?

oswaldo antonelli posted:

Kkkkkkkkk Carlos Chagas, Me ou Bf-109 tem perna torta e fina como saracura, eram o banquete dos P47, P51 e outras maravilhas da indústria aeronáutica na WWII. O Brettas, como ornitólogo e artista plástico, adora desenhar e pintar saracura, só monta isso. 😁😁😁

Ah, então é por isso. Eu pensava em algo mais esotérico e insondável...

Agora já sei como vou me referir a uma vizinha, aqui do prédio.

Obrigado pela explicação, Oswaldo.

 

E vocês são uma comédia mesmo, kkkkkkk

Boa noite.

Modernamente, os veículos de combate que portam canhões não precisam ter freio de boca em virtude do tipo de munição que disparam.....................

................................................. com o sistema de recuo interno.

Essa é uma área muito interessante e explica muita coisa sobre veículos de combate com canhões em torre ou não.

Abs.

ALÉM DE TUDO ISSO AINDA SERVIA COMO DISSIPADOR DOS GASES DO DISPARO.

 NO M 41 O FREIO DE BOCA ERA ROSQUEADO NO SENTIDO ANTI HORÁRIO E EXISTIA ORIFÍCIOS POR BAIXO DO CANO, CHAMADOS ELIMINADOR DE ALMA, ONDE OS GASES PENETRAVAM AUXILIANDO NA DIMINUIÇÃO DO RECUO E A DISSIPAÇÃO DOS GASES....FICAVAM NO CANO, QUE FOI ELIMINADO QUANDO CORTARAM O CANO...ERA 76mm...VIROU 90mm......MAS ESTA É OUTRA HISTORIA...(..os blindados modernos ainda o possuem...http://www.brasilemdefesa.com/2013/03/....esse é de um obuseiro.....).

ABS E BOA NOITE A TODOS. 

BESSA posted:

 

ALÉM DE TUDO ISSO AINDA SERVIA COMO DISSIPADOR DOS GASES DO DISPARO.

 NO M 41 O FREIO DE BOCA ERA ROSQUEADO NO SENTIDO ANTI HORÁRIO E EXISTIA ORIFÍCIOS POR BAIXO DO CANO, CHAMADOS ELIMINADOR DE ALMA, ONDE OS GASES PENETRAVAM AUXILIANDO NA DIMINUIÇÃO DO RECUO E A DISSIPAÇÃO DOS GASES....FICAVAM NO CANO, QUE FOI ELIMINADO QUANDO CORTARAM O CANO...ERA 76mm...VIROU 90mm......MAS ESTA É OUTRA HISTORIA...(..os blindados modernos ainda o possuem...http://www.brasilemdefesa.com/2013/03/....esse é de um obuseiro.....).

ABS E BOA NOITE A TODOS. 

prazado, permita-me (sem nenhum sentimento escuso ) fazer um reparo nessa afirmação. para dirimir toda essa mistificação.

o freio de boca (do inglês muzzle brake) serve unicamente para auxiliar a amortecer o efeito do recuo do canhão no disparo. admite-se que isso represente cerca de 1/3 a 1/2 do total.

o eliminador de alma (bore evacuator ou fume extractor) não participa em nada nisso. ocorre que (em tempos muito curtos) enquanto o projetil está correndo no tubo e a cunha da culatra se abre, os gases que estão ainda dentro do tubo, tenderiam a se acumular dentro da torre. o eliminador de alma é uma câmara, que acumula esses gases, que pelo efeito da saída do projetil, são sugados para fora.

https://www.quora.com/How-does...or-on-tank-guns-work

Resultado de imagem para fume extractor of a gun

Valls

  

Carlos Chagas posted:
oswaldo antonelli posted:

Kkkkkkkkk Carlos Chagas, Me ou Bf-109 tem perna torta e fina como saracura, eram o banquete dos P47, P51 e outras maravilhas da indústria aeronáutica na WWII. O Brettas, como ornitólogo e artista plástico, adora desenhar e pintar saracura, só monta isso. 😁😁😁

Ah, então é por isso. Eu pensava em algo mais esotérico e insondável...

Agora já sei como vou me referir a uma vizinha, aqui do prédio.

Obrigado pela explicação, Oswaldo.

 

E vocês são uma comédia mesmo, kkkkkkk

Carlos, observa bem as semelhanças, olha a beleza das perninhas, até parece modelo de grife...

Bessa e Valls, eu só consigo imaginar o funcionamento pensando na lei da ação e reação, um impulso muito forte pra frente no projétil com o disparo e um impulso muito forte pra trás no recuo, a saida desses gases, então, diminui isso por expulsar parte do que poderia alimentar esse impulso, até parece um princípio muito simples, mas vendo a imagem que o Valls postou por último, não parece tão simples assim a concepção, a câmara que parece que se forma envolvendo o cano, é impressionante como calculam isso, não parece simplesmente um furo em cada lado, é muito mais complexo, bagunça a cabeça de um leigo...

Oswaldo,

o freio de boca é exatamente isso. utiliza o principio da terceira lei Lei de Newton, da ação e da reação, da física do colégio.

Com o disparo, o canhão recua e o freio de boca (como o nome sugere) direciona os gases que saem do tubo no sentido contrário para se opor a esse movimento.

  https://www.youtube.com/watch?v=Yb5nOjqvwI8

Já o eliminador de alma é o que indiquei no post anterior. são coisas (e efeitos) distintos.

Valls

A função principal do EA é a expulsão dos gases. Quando cortaram o Can 76 mm do M41 este recurso foi eliminado. Dentro da torre ficava uma fumaceira doida e o controle da vareta do óleo do recuo era uma preocupação de todo mundo. Fizeram usinagem e corte, o Can 90 mm *nascido* nao tinha este recurso, apesar dos testes feitos era uma incógnita...  Ah, e aquela *trosoba *que aparece no tubo(90mm do M41), era contrapeso...a culatra ficou mais pesada  que o tubo..... e o eliminador de alma auxiliava.....

BESSA posted:

A função principal do EA é a expulsão dos gases. Quando cortaram o Can 76 mm do M41 este recurso foi eliminado. Dentro da torre ficava uma fumaceira doida e o controle da vareta do óleo do recuo era uma preocupação de todo mundo. Fizeram usinagem e corte, o Can 90 mm *nascido* nao tinha este recurso, apesar dos testes feitos era uma incógnita...  Ah, e aquela *trosoba *que aparece no tubo(90mm do M41), era contrapeso...a culatra ficou mais pesada  que o tubo..... e o eliminador de alma auxiliava.....

Mas aí você está se referindo a um "gatilho" (jeitinho Brasileiro) que fizeram no tubo do M41 C para ter um efeito parecido com o de 90mm.

Normalmente o sistema funciona como a explicação que o Valls postou. 

Incluir Resposta

Curtidas (0)
×
×
×
×